[RESENHA] A Morte de Sarai - Série Na Companhia de Assassinos #1 - J.A. Redmerski - Suma de Letras


Bom dia meus lindos!

Uma nova resenha chegando...
Que tal um livro com um tema forte, profundo e bem diferente?


A MORTE DE SARAI

Ficha Técnica:
J. A. Redmerski
Suma de Letras
Tradução: Micheli Vartuli
Ficção
ISBN: 9788581052571
Lançamento: 01/02/2015
Formato: 16 x 23
256 páginas
Preço: R$ 29,90

Sinopse:
Sarai era uma típica adolescente americana: tinha o sonho de terminar o ensino médio e conseguir uma bolsa em alguma universidade. Mas com apenas 14 anos foi levada pela mãe para viver no México, ao lado de Javier, um poderoso traficante de drogas e mulheres. Ele se apaixonou pela garota e, desde a morte da mãe dela, a mantém em cativeiro.

Apesar de não sofrer maus-tratos, Sarai convive com meninas que não têm a mesma sorte. Depois de nove anos trancada ali, no meio do deserto, ela praticamente esqueceu como é ter uma vida normal, mas nunca desistiu da ideia de escapar.
LEIA UM TRECHO.

Segundo um comentário da Suma de Letras no Twitter, o segundo livro da série tem previsão de lançamento para o segundo semestre deste ano(Julho). Confira a capa original. E eu acho que ela será mantida para a publicação no Brasil.



Quando vi o lançamento deste livro, e li a sinopse, logo me interessei. Ainda mais que seria uma nova oportunidade de conferir a escrita de J.A. Redmerski, uma autora que me fisgou com o livro Entre o Agora e o Nunca. E com uma história que prometia ser bem diferente...

Assim que recebi o livro, postei uma foto no Instagram e comentei por lá que a sensação que tive, é que essa história prometia ser um romance denso, forte, daqueles que gruda na gente por muito tempo depois de lido. E eu estava completamente certa.


Neste livro vamos conhecer a história de uma garota americana, Sarai, que foi entregue a um traficante de drogas mexicano com a idade de quatorze por sua própria mãe. A sua vida desde então tem sido um desespero com drogas, brutalidade, assassinato e escravidão. Ela sabe que tentar fugir é inútil - seria suicídio. Lá fora, no meio do México, não há literalmente onde ela possa se esconder. Assim, quando um homem americano aparece para tratar de negócios, ela finalmente vê sua chance de fugir...
Tudo que ela quer é ir para casa. Mas fugir tem suas consequências. Victor é um homem de sangue frio, duro - treinado desde cedo para ser um assassino ... e agora, ele é sua única esperança de sobrevivência.

Muito tenso, não é mesmo? Aí me perguntei... Como a autora faz isso? Como vai desenvolver um lance entre uma jovem que viveu anos nestas condições com um assassino? Será que isto vai dar certo?

E o tal do Javier? Javier é um homem frio, Era mesmo tão ruim como pensávamos? Pois aos poucos vamos tendo contato com algumas lembranças de Sarai, e nestas lembranças podemos vislumbrar algo mais a respeito dos sentimentos de Javier para ela. Seria possível?

E temos Víctor, um assassino treinado, frio, sempre no controle e que está sempre um passo a frente de seus inimigos. Um cara que mesmo não sendo o mocinho ideal, te faz torcer por ele. Um cara intrigante, inteligente, calculista, eficiente, aparentemente implacável em seu exterior, mas eu senti que existia algo mais profundo... Será?

"- Qual é o motivo de tudo isso? - pergunta Niklas, - Me diga, Victor, o que essa garota tem a ver com você? - Ele começa a andar de um lado para outro de novo, me olhando de vez em quando, com a mente em turbilhão, - Você foi para o México ouvir a oferta de Javier, para ver qual oferta valia mais o contrato, a dele ou a de Guzmán. E então quando saiu de lá, achou uma clandestina no seu carro que claramente pertencia a Javier Ruiz..."

A história tem um ritmo rápido, intenso, fluído, com personagens fortes e intrigantes.
E a autora soube criar um enredo bem diferente e imprevisível. Você nunca sabe bem o que esperar do próximo capítulo. E eu confesso que queria mais... Queria não, eu quero mais...

O final é meio tenso, mas ao mesmo tempo me deixou com a sensação que tudo ia ficar bem. O segundo livro promete trazer Victor e Sarai de volta, por isso foi só um pequeno momento de angústia kkk
A autora sabe nos levar com maestria e nos deixa ansiosos para ler o próximo.

Eu gosto quando as editoras tendem a manter as capas originais. Neste caso a Suma só fez algumas mudanças bem sutis e gostei muito. Também gostei da revisão e diagramação. Cor das páginas e fontes escolhidas satisfatórias.

Leitura obrigatória e mais que recomendada, para todos os leitores que gostam de se aventurar em algo totalmente diferente!
Bjus

14 comentários:

  1. Oláá!
    Nossaaaaaaaaaaaaaa, eu preciso ler esse livro.
    De todas as resenhas de livros que li ultimamente, essa foi a que mais me chamou atenção.
    Necessito ler, parece ter um enredo mto bem formulado.
    Beijos!
    http://masenstale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se tiver a oportunida leiaaaa, o livro é bom.
      Obrigada pela visita e por seu comentário.
      Seja bem vinda. Espero que volte mais vezes.
      Bjus

      Excluir
  2. Oi, Lia!
    Já conheço a escrita da J.A. Redmerski e adoroo.
    Não conhecia esse livro ainda, mas fiquei curiosíssima para ler.
    Tem um enredo bem tenso e parece que realmente prende o leitor. Vuriosa para saber como a autora desenvolve toda a trama.
    Beijos

    Construindo Estante || Curta a fan page
    Está rolando sorteio de uma caneca personalizada de A Culpa é das Estrelas. Participe!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Eliana, também gostei muito da escrita dela.
      Se tiver a oportunidade Leia este, é bem diferente dos outros e ela conseguiu me surpreender.
      Já estou participando da promoção da caneca, obrigada.
      Bjus

      Excluir
  3. Nooooossa Lia, acho que a minha frequência cardíaca deu uma acelerada só com a resenha, imagina com o livro?
    Parece que a autora apostou mesmo numa pegada nova, um suspense para mexer com a gente de um jeitinho diferente.
    Adorei!

    Beijoos,


    http://blogdifusao.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pegada muito diferente mesmo amiga!
      Gostei muito!
      Obrigada.
      Bjus

      Excluir
  4. Parabéns pela resenha Lia! Já li A Morte de Sarai e amei! Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Lia, tudo bem?
    Eu li os primeiros parágrafos desse livro, mas não pude concluir a leitura.
    Mas achei a escrita bem envolvente no pouco que li, e percebi que o enredo tem potencial e é bem inovador.
    E sinceramente eu não tinha me dado conta que o livro é da mesma autora de Entre Agora e o Nunca(que por sinal achei bem fraco).
    Preciso terminar a leitura, pelo visto estou adiando uma boa história.

    Beijos.
    Leituras da Paty

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Paty, eu gostei de Entre o Agora e o Nunca, mas este livro dela é totalmente diferente e gostei bastante do enredo.
      Obrigada pela visita.
      Bjus

      Excluir
  6. Lia,
    vou assumir, eu não li porque não gostei da capa, mas depois da sua resenha vou repensar rs
    parabéns
    beijos
    conchegodasletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daya, repense mesmo sua decisão.
      A história é bem interessante.
      Eu fiquei doida a espera do livro dois. E agora já estou surtando com a espera do livro 3...
      Sou dessas... kkkkkk
      Bjus

      Excluir
  7. Oi Lia, já ouvi falar super bem desse livro, gostei muito da resenha e indiquei o livro e sua resenha para uma amiga. Pronto, agora nós duas vamos ler!
    Abç,
    http://www.rascunhocomcafe.com/2015/05/a-travessia-do-albatroz-uma-viagem.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gi, tudo bem?
      Obrigada pela visita e pela indicação!
      Vlw mesmo flor.
      Bjus

      Excluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!