[RESENHA] O Presente - Cecelia Ahern - Novo Conceito

      Olá, eu sou a Kênia Cândido do Blog Histórias Existem para Serem Contadas e a colaboradora do Blog Doces Letras. 
      Vamos para mais uma resenha?




   O Presente


   . Ficha Técnica:

    - Título Original: The Gift
    - Autora: Cecelia Ahern
    - Editora: Novo Conceito
    - 1ª Edição
    - Ano: 2013
    - 320 Páginas
    - Tradução de: Ivar Panazollo Júnior

     . Sinopse:

       Todos os dias, Lou Suffern luta contra o tempo. Ele tem sempre dois lugares para ir, tem sempre duas coisas a fazer. Quando dorme, sonha com os planos do dia seguinte, e, quando está em casa, com a esposa e os filhos, sua mente está, invariavelmente, em outro lugar.
       Numa manhã de inverno, Lou encontra Gabe, um morador de rua, sentado no chão, sob o frio e a neve, do lado de fora do imenso edifício onde Suffern trabalha. Os dois começam a conversar, e Lou fica muito intrigado com as informações que recebe de Gabe; informações de alguém que tem observado uniões improváveis entre os colegas de trabalho de Lou, como os encontros da moça de sapatos Loubotin com o rapaz de sapatos pretos...
    Ansioso por saber de tudo e por manter o controle sobre tudo, Lou entende que seria bom ter Gabe por perto — para ajudá-lo a desmascarar associações que se formam fora de suas vistas — e lhe oferece um emprego.  Mas logo o executivo arrepende-se de ajudar Gabe: sua presença o perturba. O ex-mendigo parece estar em dois lugares ao mesmo tempo, e, além disso, Gabe lhe fala umas coisas muito incomuns, como se soubesse do que não deveria saber...
    Quando começa a entender quem é realmente Gabe, e o que ele faz em sua vida, o executivo percebe que passará pela mais dura das provações.
     Esta história é sobre uma pessoa que descobre quem é. Sobre uma pessoa cujo interior é revelado a todos que a estimam. E todos são revelados a ela. No momento certo.

    
Repense sobre suas prioridades

    Confesso que é a primeira vez que leio uma obra da autora Cecelia Ahern. Além do livro O Presente, eu também tenho o livro P.S.Eu Te Amo, mas sempre adiei a leitura dele, sem motivo nenhum. 
    Desde o início, o enredo  envolveu  emocionalmente e conseguiu surpreender em vários trechos.  A  narrativa é bem leve, a capa tem relação com a história e o final de cada página está decorada delicadamente.
     Lou Suffern é um executivo  bem–sucedido, ambicioso e  totalmente viciado em trabalho que nunca tem tempo para sua vida pessoal, principalmente para sua esposa Ruth Suffern e seus dois filhos.     
     Em uma manhã particularmente fria de Dezembro, na região de Dublin, Lou oferece um copo de café que comprou por engano, a um mendigo chamado Gabe, que sempre fica em frente ao prédio que Lou trabalha.
     Após uma breve conversa com Gabe, onde Lou  descobre algumas informações que pode prejudicar  sua conquista a um novo cargo, ele resolve arrumar um emprego na firma para Gabe ser seu observador e, assim,  poderá continuar tendo controle sobre tudo que acontece na empresa.
    Apesar de Gabe  ser um homem bastante misterioso e mostrar ser um funcionário bastante eficiente, também começa apresentar para Lou  acontecimentos que realmente são importantes na sua vida, para repensar sobre suas prioridades e atitudes,  mesmo que seja de forma  bem dolorosa.
    Durante a leitura, em alguns momentos, eu tive muita raiva de  Lou por ser  um verdadeiro canalha com  seus familiares e principalmente com a sua esposa Ruth.  Para chegar ao seu objetivo, ele  não mede as consequências do seus atos e Gabe teve que ajudá-lo muitas vezes.
    Por outro lado, eu admirei bastante a paciência de Ruth perante as ausências do marido, que foram de todas as maneiras possíveis. Em alguns momentos eu achei que ela iria explodir com Lou, mostrando para ele que as coisas estavam erradas.
     Por fim...  Fiquei na torcida,  para  que Lou pudesse mudar e  ser uma pessoa melhor para  seus familiares e para Ruth.
     O final foi imprevisível,  não tem como negar que emocionei e refleti bastante com as mensagens que a autora cecelia Ahern deixou pela história.
    Para finalizar, eu recomendo que leia o livro e repense sobre  suas prioridades.

  . Classificação: 5 Estrelas

   " As pessoas, como as casas, guardam seus segredos. Às vezes, os segredos as habitam; outras vezes, são elas que habitam seus segredos."  ( Pág. 13 ) 

   " Fico feliz em saber que há coisas que são importantes para você, Lou, porque, por um momento, quase cheguei a pensar que você não era humano."  ( Ruth - pág. 102 )

   " Há vários tipos de alertas para despertar, mas somente um é importante. Naquele dia, Lou estava recebendo um tipo muito diferente de alarme para despertar." ( Pág. 155 ) 

  Bjos e até a próxima! 


Kênia Candido:
Eu sou dona do blog Histórias Existem Para Serem Contadas. Mineira completamente apaixonada por livros, filmes e seriados de TV.

14 comentários:

  1. Eu só li "P.S. Eu te amo", e diria que foi uma história... legal. Simples e de certa forma divertida para se passar o tempo. Mas os romances dificilmente me conquistam. De qualquer jeito, me interessei pela história desse livro, e está na minha lista de "Quem sabe?" c:

    http://eujovemdemais.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ana, eu também não li este livro.
      Mas, ele parece ser interessante.
      Obrigada pela visita.
      Bjus

      Excluir
  2. Caramba agora fiquei curiosa, até porque em geral nesses livros o final é super previsível. Ele muda e no fim ela o perdoa. Agora vou ter que aguentar a ansiedade para saber tudinho ahhhhhh. E eu já li para sempre. É bem legal. E cara como assim esse Gabe é misterioso? Pequeno spoiler tem nada não ha, ha.

    Inquietudes Secretas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Liih, tudo bem?
      Eu também fiquei mega curiosa ... hahahaha
      Obrigada pela visita.
      Bjus

      Excluir
  3. Poxa ... me atiçou a curiosidade e a vontade de ler o romance, kênia recomendação aceita.Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel, tudo bem?
      Obrigada por sua visita.
      Bjus

      Excluir
  4. o presente foi realmente um presente, mais um show da Cecelia que me abriu os olhos para uma vida a qual temos que apreender o máximo possível, viver intensamente já que é única!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Thaila, pelo jeito o livro mexe mesmo com o emocional do leitor.
      Bjus

      Excluir
  5. Parabéns pela resenha Kênia! Estou ansiosa para ler O Presente! Beijo!

    www.newsnessa.com

    ResponderExcluir
  6. Gostei muito da resenha e do enredo, achei muito apropriado aos meus gostos.
    Adorei a resenha.
    Beijos
    www.estilogisele.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gisele, que bom que gostou.
      Pelo que a Suelen os conta, o livro tem uma história bem sensível.
      Bjus

      Excluir
  7. Oi Lia!! Adorei sua resenha, e senti que é um livros daqueles né?
    Eu não li "PS eu te amo", comecei a assistir o filme e fiquei tão triste que não consegui terminar rsrs. Qto drama!! Eu sei, mas não suporto histórias tristes. Fiquei curiosa, principalmente com o desfecho.
    Beeijos
    pequenosvicios.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Bia, tudo bem?
      Obrigada pela visita. A resenha é da Kênia e ela vai adorar saber que os leitores estão gostando tanto.
      Eu só li o livro uma vez, agora o filme já assisti várias... kkkkk
      E também sou chorona. Quanto a O Presente, fiquei curiosa depois da resenha.
      Bjus

      Excluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!