[RESENHA] Ligeiramente Escandalosos - Os Bedwyns #3 - Mary Balogh - Editora Arqueiro


Olá leitores!


Passando para deixar mais uma resenha com vocês. Hoje vou falar sobre um romance de época, divertido, leve e gostoso de ler.
Vem comigo...


LIGEIRAMENTE ESCANDALOSOS

Ficha Técnica:
Título Original: SLIGHTLY SCANDALOUS
Autora: Mary Balogh
Tradução: ANA RODRIGUES
Gênero: Ficção, Romance, Romance de época
Lançamento: 03/09/2015
Número de páginas: 288
ISBN: 9788580414547
EAN: 9788580414547
PREÇO: R$ 29.90
E-BOOK
eISBN: 9788580414554
Sinopse:

 Freyja Bedwyn é uma mulher diferente das outras damas da alta sociedade: impetuosa e decidida, ela preza a independência e a liberdade acima de qualquer coisa – até mesmo do amor.
    Até que o destino lhe apresenta Joshua Moore, o marquês de Hallmare, um homem cheio de charme e mistério, dono de uma beleza estonteante e de uma reputação terrível. Quando ambos se encontram a caminho da pacata cidade de Bath, a química entre os dois é imediata.
    Entre encontros e desencontros, conflitos e provocações, Joshua faz uma proposta inusitada: pede que Freyja finja ser sua noiva, para evitar que uma artimanha de sua tia o leve a se casar com a própria prima.
    Para uma dupla que acha graça das convenções sociais, esta parece ser a oportunidade perfeita para se divertir. Mas a brincadeira acaba trazendo consequências inesperadas. Aos poucos, suas máscaras vão caindo e ambos se revelam pessoas bem diferentes do que aparentam. 

LEIA UM TRECHO.

A Editora Arqueiro, também está disponibilizando marcador do livro para download. Para baixar o seu clique aqui.


Ligeiramente escandalosos é o terceiro livro da Série Os Bedwyns. Cada livro traz a história de um dos irmãos. Apesar de ser uma série, os livros podem ser lidos fora de ordem sem que atrapalhe a leitura. Mas, eu sempre aconselho que se leia na ordem. É... tenho TOC. kkk

Devo dizer que entre os três primeiros livros da série, este foi o que mais me agradou. Pela primeira vez me senti fisgada pela escrita da autora, e gostei muito da leitura. Eu não tinha curtido muito os dois primeiros casais de protagonistas, e com isto os dois primeiros livros foram meio enfadonhos pra mim. Neste consegui me conectar aos personagens. Consegui sentir com eles, sorrir com eles e deles e também sofrer junto. Isto com certeza fez toda a diferença pra mim. E já me sinto ansiosa para conferir o próximo livro e tenho expectativas que ele possa ser igual ou melhor que este. Dedinhos cruzados. lol

Neste livro iremos conhecer a história de Freyja, uma jovem mulher de 25 anos, voluntariosa, teimosa, forte, independente para sua época, mas que esconde dentro de si, uma grande tristeza e algumas inseguranças.
Crescer com quatro irmãos poderosos fez Lady Freyja Bedwyn muito mais ousada do que a maioria das senhoras da sociedade. Freyja é puro fogo, uma mulher que procura aventura e liberdade.

No início do livro, Freyja resolve viajar de repente para The Circus em Bath, para visitar Lady Hotl-Barron e assim evitar de estar por perto durante o nascimento do primeiro filho de Kit, seu ex-noivo. No seu caminho para Bath, Freyja passa a noite em uma pousada e é surpreendida durante a noite, quando um homem parcialmente vestido entra em seu quarto e se esconde no armário, pedindo-lhe para se deitar e encobrir sua presença. Ela não tem nenhuma intenção de fazê-lo, mas o gerente da pousada e mais dois homens que estão com ele a tratam rudemente, sem a devida deferência que uma filha de um duque merece. Então, ela resolve ajudar o fugitivo, como forma de rebeldia. Depois que são deixados a sós, ele a beija em agradecimento. Em seguida, ela grita, e a ele só resta pular a janela para continuar com sua fuga. Ao chegar a seu destino em Bath, Freyja acha tudo sem graça e maçante.

Já em Bath, durante uma caminhada em um parque, ela reencontra o mesmo homem da pousada e a impressão que ela tem é que ele está seduzindo uma criada. Chocada e indignada, ela lhe dá um soco no nariz e ameaça de expô-lo à toda sociedade do lugar. Quando eles se encontram em Assembly Rooms, ela em voz alta o acusa de brincar com as mulheres - na frente de toda a sociedade - apenas para descobrir que ela estava enganada. Ela se sente adequadamente embaraçada por fazer um espetáculo de si mesma, embora secretamente ela também se sinta feliz por conseguir bagunçar um pouco a atmosfera sóbria de Bath. Depois deste incidente divertido, os dois passam a se tratar de forma cordial e tentam de toda maneira encobrir a atração que sentem um pelo outro desde o primeiro encontro.


Joshua Moore, Marquês de Hallmere é o tal homem misterioso e fugitivo. Josh voltou recentemente do continente depois de anos trabalhando de modo secreto para o governo.Seu senso de diversão e aventura é bastante semelhante ao de Freyja. Ele está em Bath para passar o tempo com sua avó, e talvez considerar suas responsabilidades para com a sua família e seu título. Criado como um indesejado na casa de seu tio, Josh nunca pensou que ele seria marquês. Mas o único filho de seu tio morreu jovem, e Josh herdou o título e a propriedade após a morte do seu tio. Este é um tipo de vida que Josh não queria. Nunca achou que tivesse direitos sobre isto. Isso somado a suas lembranças da vida na casa de seu tio fazem com que ele não se sinta feliz com esta situação. Na verdade, se pudesse Josh ficaria feliz em deixar sua tia viúva sozinho para desfrutar da propriedade, enquanto ele seguiria com sua vida em outro lugar. Mas sua tia tem outras ideias. Ela está determinada a garantir o seu lugar em Penhallow, a propriedade da família. Para isso resolve fazer que Josh venha a se casar com sua filha mais velha Constance. E sua tia tem o hábito assustador de manipular os outros e geralmente conseguir o que quer.

Assim Freyja e Josh resolvem se aliar e fingir um noivado para que ambos consigam se livrar de suas situações embaraçosas. A partir deste momento vamos acompanhando as loucuras, adversidades, e situações delicadas, que os dois passam para manter sua farsa e ao mesmo tempo vamos acompanhando o desenrolar de sua amizade se transformando aos poucos em desejo e finalmente amor. Eu gostei de acompanhar como estes dois vão lentamente aprendendo lições um com o outro e ambos se beneficiando com isso durante o processo. Em muitos aspectos, eles são completamente opostos, mas no coração, onde mais importa, eles são perfeitamente compatíveis.
" Joshua estava de pé, conversando com Lady Kilbourne e com a duquesa de Portfrey. Usava todo o seu encanto com elas e parecia devastador de tão belo. A luz do candelabro acima fazia os cabelos dele cintilarem de tão louros. Mesmo contra a vontade, Freyja sentiu os joelhos fracos ao lembrar que apenas uma hora antes... 
  Ele tentou evitar que acontecesse.
  Ela o desafiara a parar.
  Como a vida se tornara arrebatadora!
  Joshua virou a cabeça e sorriu para ela. Então deu uma piscadinha lenta e ela ficou exasperada como sempre.
No todo o enredo foi muito divertido e gostoso de ler. Temos a tia de Josh com suas conspirações ridículas para tentar conseguir que ele faça o que ela quer. Todas as situações engraçadas e dramáticas em que eles se metem o tempo todo. A maneira como Joshua passa a perceber o quanto ele ama o povo e o lugar onde ele cresceu. Entre tantos outros acontecimentos.
" - Aí está - falou Hallmere, virando o rosto risonho para ela antes de seguir na frente, em direção ao vilarejo que ele acreditava estar perto. -, eu sabia que deveria esperar um golpe, no fim das contas. Me sinto esmagado, arrasado, roubado de toda a minha autoconfiança. Talvez este seja o epitáfio no meu túmulo... a vida dele foi muito agradável, mas qualquer repetição seria aborrecida. Preciso de uma bebida forte. No mínimo um copo de conhaque.
Freyja seguiu atrás dele, sorrindo."
Também gostei de ver a maior interação com o resto da família Bedwyn. Eu realmente gosto dos outros Bedwyns, especialmente Aidan e Wulfric. É legal ver o que os personagens dos livros anteriores estão fazendo e o que está acontecendo em suas vidas.

A Editora Arqueiro, mais uma vez realizando um belo trabalho de publicação. Eu não achei nenhum erro, nada que pudesse me desagradar durante a leitura. Eu adorei esta capa!

Ligeiramente Escandalosos é uma história cativante, engraçada e encantadora de duas pessoas que encontram o amor quando eles menos esperam. Freyja e Josh é um delicioso casal inesperado...
Se você curte romances de época este é uma boa pedida.
Bjus

13 comentários:

  1. Somos duas, não gosto de assistir fora da ordem também, haha!
    Não conhecia a série, mas amo romances de época e é sempre bom ver eles sendo reconhecidos aqui no Brasil. Já está na minha lista!

    Virando Amor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol.
      Bem-vinda ao Doces Letras!
      Obrigada pela visita. Tenho toque mesmo quanto a isso... hahahahaha
      Eu amei ver tantos romances de época e históricos chegando por aqui.
      Bjus

      Excluir
  2. Oi Lia!!

    Eu li o primeiro livro da série, curti bastante, mas também não foi aquela coisa, adorei a capa deste livro, já me conquistou por ai. É muito bom quando nos conectamos com os personagens, não é?
    Doida para ler este livro..

    Beijos Mila
    Daily of Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Camila. Esta capa ficou ótima mesmo. Dentre os três lançados este foi o que me conquistou.
      Bjus

      Excluir
  3. Olá flor ^^

    Amo romances de época e essa autora então é só amor, acho interessante livros com a mocinha "encalhada" que já passou dos 20. Agora esperar pelo lançamento do resto da série ^^

    Bjks,

    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tbm amo romances nesse estilo. E fiquei feliz de finalmente ter engrenado na série.
      Bjus

      Excluir
  4. Oi Lia!

    Eu ainda não li nenhum livro dessa série e tenho vontade de ler por causa das resenhas positivas que já li sobre eles. O terceiro também entrará na minha lista de desejados.

    Bjos

    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi flor, eu já li os três e na minha opinião este é o melhor até agora. Não curti muito os dois primeiros.
      Bjus

      Excluir
  5. Oi Lia, estou adorando a série, e mal termino o livro já penso no outro. Fico me perguntando o que a autora vai reservar para o Wulfric.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  6. Oi, amiga! Tudo bem? Saudade!

    Gostei muito da sua resenha. Achei engraçado ter dito o que já ouvi muitas pessoas comentando a respeito desse livro: ele é o melhor da série publicado pela editora até agora. Fiquei surpresa por saber que pode ser lido fora de ordem - acho isso interessante, embora também tenha TOC. Hahuahuahau

    Um beijo,
    Doce Sabor dos Livros docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Jeni, eu não engrenei muito bem nos dois primeiros livros. Este foi uma grata surpresa e finalmente me senti conectada aos personagens da série.
      TOC é um problema mesmo... kkkkk
      Bjus

      Excluir
  7. eu adorei este livro pois nos anteriores ja tinha criado uma empatia com Freyja que só veio a se fortalecer com a história, adorei o jeito dela de não se intimidar!
    felicidadeemlivros.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  8. A garota com o olhos maliciosos parece combinar com o titulo do livro.A capa do livro induz a acreditar em romance bem caliente,só mesmo lendo para descobrir todo esse universo.Bjs e boa leitura!

    ResponderExcluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!