[RESENHA] Efeito Dominó - As Primeiras Peças do Jogo - Alana Gabriela



    Olá, eu sou a Kênia Cândido do Blog Histórias Existem Para Serem Contadas e a colaboradora do Blog Doces Letras.
    Hoje eu vou deixar minha resenha do livro Efeito Dominó -  As Primeiras Peças do Jogo da autora Alana Gabriela  publicado no site da Amazon.

    Venha e conheça minha opinião:





 . Dados Sobre o Livro:

- Autora: Alana Gabriela
- Editora: Publicação Independente ( Amazon )
- 1ª Edição
- Ano: 2015
- 334 Páginas
- Onde Comprar: Amazon

  . Sinopse:

"É melhor ser enganado do que não confiar."
Helena foi morta num passeio à Saquarema. Seis meses após o assassinato e ainda não existem provas suficientes para lastrear o caso. Cora está desestabilizada com a perda da mãe e a impotência que tem sentido em decorrência disso. Ela está passando por todas as etapas do luto, afastando-se de suas amigas e até do seu pai, Afonso. Sua vida caótica e com uma bandeira hasteada de luto vira do avesso quando presencia uma tentativa de homicídio que põe a vida de Lucas, seu amigo, em perigo. No processo Cora é feita refém por um criminoso enigmático que está disposto a tudo para trazer à luz todos os segredos que rodeiam a morte de Helena. Ela só precisa decidir entrar no jogo.
Entre mentiras, assassinatos e segredos funestos, o obscuro é o lado mais seguro para Cora se aliar. Mas ela precisa decidir qual segredo é digno do silêncio e se estará pronta para desencadear o efeito dominó!

      Fiquei Surpresa com a História.

     Quando eu recebi o livro digital, a primeira coisa que me chamou a atenção foi ele conter  uma sinopse instigante e não imaginava encontrar uma história misteriosa, onde conseguiria surpreender a cada parágrafo.
     A História se inicia em Saquarema, com Helena, Afonso e Cora desfrutando de um passeio de final de semana em família, pois o trabalho, a vida  escolar e o conturbado dia-a-dia  estavam distanciando eles.
    Entretanto, na manhã do dia seguinte, Afonso e Cora  recebem um telefone da policia informando que Helena, mãe de Cora, tinha sofrido um acidente quando havia saído do hotel para fazer uma caminhada.  Quando Afonso e Cora chegam à cena do crime os policiais  estão encaminhado o corpo para o IML e  Cora não abrangia a morte da mãe.
    Após meses, Cora está vivenciando um luto destrutivo pela mãe, brigando por tudo e com todos, se distanciando dos amigos e diversas discussões com Afonso, principalmente ao ver que seu pai estava seguindo com sua vida e tendo um relacionamento amoroso com a Suzane, a vizinha deles que era amiga de Helena e Cora não simpatizava nem um pouco com ela.
     Enquanto voltava para casa com seu amigo Lucas, eles foram surpreendidos por um rapaz de capuz, que rapidamente atacou Lucas com um canivete e levou Cora de refém. Contudo, este sequestrador contém informações que a própria Cora nem imaginava, até segredos que rodeiam sobre a morte de Helena e Cora se transforma em uma peça de um jogo bastante perigoso.
     A história contém um enredo muito bom, seu desenvolvimento consegue prender e despertar curiosidade para descobrir os segredos que estão na trama. O final do livro desenrola alguns fatos surpreendentes, terminei com aquele friozinho na boca do estômago e  deixou bem claro que terá uma continuação.
    Dos personagens apresentados na história o meu preferido foi o Sequestrador de Cora que trouxe uma avalanche de mistérios e intrigas. Cora foi uma personagem bastante mimada, imatura com suas atitudes, brigando com todo mundo e não aceitava ser contrariada, isso cansou um pouco a leitura.  
    Já o Afonso, pai de Cora foi um personagem bem contraditório, cheio de mistérios, com várias mudanças de personalidade, mas ao mesmo tempo muito inteligente.
    Apesar de não ter gostado da Cora, a história é um verdadeiro enigma para ser desvendado, bastante criativa e isso é algo que não pode ser ignorado.
     Eu recomendo para leitores que curtem um romance policial, repleto de surpresas e gosta de valorizar a literatura nacional.


"Porque o que está à nossa frente é um caso cheio de enigmas e mistérios... e nós não conhecemos nem a metade!"
 
"Um segredo bem guardado às vezes vai até o túmulo."

"É melhor sofrer uma injustiça que praticá-la, assim como às vezes é melhor ser enganado do que não confiar."


     Sobre a Autora:
     Alana Gabriela  é uma acadêmica autora de 19 anos. Leitora e escritora ávida, cria histórias desde 2013 e tem mais de doze livros escritos e mais quatro projetos em andamento.
     Alana escreveu e confeccionou artesanalmente seu primeiro livro aos dez anos; O Rapto, primeira obra intitulada da autora, era baseada no filme Chamas da Vingança, que chamou muito sua atenção quando garotinha. Publicou Efeito Dominó pela Amazon para divulgar seus escritos, bem como Histórias em Retalhos, uma coletânea de contos singelos. 
     Seu primeiro livro físico, A Estranha Mente de Seth, foi publicado pela Editora Autografia e já se encontra no mercado. Alana divide seu tempo entre blogger, escrever, compor canções, assistir seriados, tipo, The Walking Dead, The Blacklist, ouvir música Indie e Jazzy, ler e estudar na UFS.
     Alana gosta de olhar para o céu em dias de chuva!

Suas Redes Sociais:
Blog || Facebook || Twitter || Instagram


   - Já leu Efeito Dominó -  As Primeiras Peças do Jogo?
   -  Então contem para nós.
   - Bjos e até a próxima...


Kênia Candido:
Eu sou dona do blog Histórias Existem Para Serem Contadas. Mineira completamente apaixonada por livros, filmes e seriados de TV.

2 comentários:

  1. Oi Kênia!!!

    Não conheço a autora, mas realmente a história parece ser bem intrigante! Sempre é bom ler um mistério!!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  2. Olá Kênia, tudo bem?

    Não conhecia esse livro, gostei muito da sinopse e pela sua resenha achei o livro interessante, mas não gostei da capa....bjs.


    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!