[DIVULGAÇÃO] Conheça o Livro O Gosto do Sangue - Anselmo Duarte – Editora Pandorga



      Olá, eu sou a Kênia Cândido do Blog Histórias Existem Para Serem Contadas e a colaboradora do Blog Doces Letras.
     Com clima de suspense, o livro O Gosto do Sangue, do autor paulista Anselmo Duarte e publicado pela Editora Pandorga é uma obra que aborda os temas violência à mulher, uso de drogas, desvio de personalidade, corrupção, atuação da polícia. Tudo com uma pitada de ocultismo, indicando que existe o carma e que se deve pagar o preço do mal feito em vidas passadas.
   Venha conferir:


       O enredo gira em torno de Rosana, uma jovem recém-graduada em arquitetura e que acaba de ser contratada pela Rossi, uma empreiteira que é comandada por um primo distante, Leandro.
      É através dele que ela conhece o Humberto. Este por sua vez apaixona-se perdidamente por ela, e os dois engatam em um romance aparentemente normal.   Entretanto, pouco sabia Rosana que Humberto era usuário de cocaína e apresentava alterações de humor quando utilizava a droga, tornando-se muito violento e inconsistente. Com o passar do tempo, a arquiteta percebeu que havia se envolvido com um demônio e procurou a ajuda da polícia.
     Em uma narrativa cheia de ação, o leitor acompanha a luta de Rosana contra o obsessivo Humberto, que possui uma mentalidade machista e perturbada pela droga. Conseguirá Rosana se livrar do ex? Ou está ela fadada a uma vida de sofrimento, sempre sendo perseguida por ele e por suas abordagens violentas? Será que todo o sofrimento que passou já tinha sido escrito no destino? 



Ficha técnica:
O Gosto do Sangue
Formato: 14x21
Páginas: 280
ISBN: 978-85-8442-111-4
Preço: R$34,90
Às vezes passamos por situações em nossas vidas em que temos a certeza que aquilo não era para nós. Pessoas que entram e saem do nosso caminho fazendo um verdadeiro alvoroço, tanto para o bem como para o mal. Passamos por constrangimentos que nos fazem pensar se realmente os merecemos.
Mas quem determina o que teremos que passar? Quem decide se vamos ter que sofrer com alguém ou não? Existe mesmo essa coisa de “estava escrito”? E essa história de Carma? Quem determina se realmente temos algo a pagar a alguém, ou teremos que dar o direito de uma pessoa se vingar. Quem dá o preço? E quando sabemos que está pago?
O gosto do sangue apresenta a história de Rosana e Humberto. Um casal que tinha tudo para ser normal, com erros e defeitos naturais. Ela, uma jovem arquiteta recém-formada procurando seu lugar na carreira, ele, um engenheiro ambicioso que quer crescer na vida o mais rápido possível, nem sempre pelos meios convencionais.
Influenciado pelo meio em que vive, cercado de amigos que pregam conceitos machistas e sem escrúpulos, Humberto se envolve com drogas pesadas, que o tiram completamente de controle e da razão. Sejam quais forem os motivos, Humberto toma rumo que irá torna - lo uma pessoa diferente do que Rosana conheceu.


  Sobre o autor: 
  Anselmo Duarte nasceu em 1969 em Limeira, mas mora na cidade de São Paulo há oito anos. Formado em engenharia pela Universidade de São Bernardo do Campo, atua na área desde 1990. Em seu tempo livre escreve contos que estão publicados em seu blog, com diversos temas, o que incentivou a construir essa história contada em O Gosto do Sangue.


    Gostaram?
    O livro conseguiu chamar a sua atenção? 
    Então contem para nós.
   Bjos  e até  a próxima...


Kênia Candido:
Eu sou dona do blog Histórias Existem Para Serem Contadas. Mineira completamente apaixonada por livros, filmes e seriados de TV.

4 comentários:

  1. Oii,

    Amei o livro!

    Abraços...

    http://blogmichaelvasconcelos.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Kênia. Oi, Lia. Tudo bem, meninas?
    Não conhecia nem o livro e nem o autor, mas mesmo assim ele conseguiu sim chamar minha atenção. O enredo é bem forte e ele parece ser um livro incrível!


    Beijo
    - Tami
    http://www.meuepilogo.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tami, o livro aborda uma temática forte mesmo.
      Bjus

      Excluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!