[PRIMEIRAS IMPRESSÕES] Pátria Chamada Amor - Márcia Rubim


Olá leitores!


Hoje vou compartilhar  com vocês, as minhas impressões sobre o novo livro de uma escritora que gosto muito!
Vem comigo...

PÁTRIA CHAMADA AMOR


Ficha Técnica:
Livro: Pátria Chamada Amor
Autora: Marcia Rubim
Gênero: Drama/Romance
Publicação: Independente — Via Amazon
Capa: Décio Gomes
Páginas: 300
Idioma: português
ISBN: B0725X7PZ5
Ano:2017
Valor: R$ 8,50
Sinopse:
A grande obstinação do capitão Christiano Vicenzo é chegar ao topo máximo da carreira, ou seja, ao generalato do Exército. Para alcançar a sua meta, precisa manter uma vida pessoal e profissional irretocável. Tudo começa a mudar quando ele serve em Niterói e conhece Nina, uma jovem com problemas sociais que ultrapassam — e muito — o que ele idealiza como protótipo de par perfeito. Fascinado pela garota, o militar decide arriscar no relacionamento, mas não imagina que, ao ser convocado para integrar a Missão de Paz no Haiti (MINUSTAH), terá sua história ao lado de Nina tragicamente desviada. Inconformado com os caminhos que o destino escreveu para si, Christiano vai descobrir com o tempo que a maior batalha na reconquista do amor perdido talvez seja enfrentar as mágoas do passado e que a felicidade não segue regulamentos. Um romance sensível e resistente ao tempo, que mostra que até mesmo para servir com dignidade à pátria é preciso que a pessoa por trás da farda esteja em paz com o coração. 

Há alguns dias atrás fui convidada pela autora Márcia Rubim a ler os cinco primeiros capítulos de seu novo livro, e dar as minhas impressões sobre eles, aqui no blog. A Márcia já é parceira aqui do blog fazem alguns anos, e gosto muito da maneira que ela tem para nos contar suas histórias, sendo assim não tinha como recusar esse convite!

Eu não tenho muito o que contar da história, pois foram somente 5 capítulos lidos, mas vou deixar aqui um pouco sobre o que já deu para perceber sobre os personagens principais, e o que deu para sentir com este comecinho da história.


Logo no início do e-book, temos o poema "A Vida" de Mário Quintana. Um poema que acho lindo e que combina com a história que temos a seguir. Segue um pequeno trecho:

 "Depois de muitas quedas, eu descobri que, às vezes, quando tudo dá errado, acontecem coisas tão maravilhosas que jamais teriam acontecido se tudo tivesse dado certo."

 "Eu percebi que quando me amei de verdade pude compreender que, em qualquer circunstância, eu estava no lugar certo, na hora certa."

Cristiano Vicenzo é um homem de 27 anos, bonito, charmoso e muito talentoso em sua área de atuação. Ele é capitão do exército e no momento está servindo e morando na cidade de Niterói/RJ e leva muito a sério a sua carreira. Traz consigo alguma culpa de algo ocorrido no passado. Procura estar sempre atento ao trabalho e seu objetivo de vida é chegar ao topo em sua carreira militar. Nascido em Caxias do Sul, ele ainda carrega um pouco de seu sotaque e costuma ser muito discreto em seus relacionamentos.

Nina é uma jovem bonita, cursando faculdade e de origem humilde. Tem sérios problemas em casa, muito solitária, e anda triste com a perda de sua melhor amiga em um acidente de moto. Tem o sonho de se formar e conseguir se tornar independente e vitoriosa em sua carreira. Muito tímida, não tem namorado e rala muito para sobreviver e pagar a faculdade.

A primeira vez que Cristiano vê Nina é em uma situação inusitada, já que ele está preso em um engarrafamento, e sem querer acaba vendo Nina saindo de casa, tropeçando e tendo seus pertences todos espalhados no chão. Apesar de se compadecer da menina, ele ri um pouco de seu infortúnio e sente não poder ajudá-la. Logo esquece o ocorrido e segue seu caminho.

Ao aceitar relutantemente um convite de uma colega de faculdade, Nina acaba tendo uma das piores noites de sua vida, e acaba encrencada em uma situação bem chata. Seu salvador é ninguém menos que Cristiano que também tinha ido com seus dois melhores amigos, a mesma boate. Ao salvar Nina da embaraçosa situação que ela se encontrava, nenhum dos dois poderia antever todos os problemas, mal entendidos e drama que iria surgir em suas vidas.
 "Quer saber de uma coisa Cristiano?  Dane-se você e os seus julgamentos - berrou - Sei muito bem quem eu sou e não preciso da sua aprovação para nada, ouviu bem?" (Nina - Cap. 03).
Será que um primeiro contato, que resulta em um sério mal entendido, poderia progredir para algo mais sério? Será que as primeiras impressões que temos de alguém, são verdadeiras?
 "Não. Eu me recusava a acreditar nisso. Tipo instinto mesmo, sei lá. E me incomodava o fato de ouvir outras pessoas caindo no mesmo erro, julgando sem conhecê-la." (Cristiano - Cap. 02)
Para saber se isto é possível e muito mais sobre essa história que promete muito drama, emoção e um romance de balançar nossas estruturas, vamos ter que esperar o lançamento do livro, que só ocorre no próximo dia 05/06. Até lá é segurar a ansiedade e torcer para a continuação da história ser tão cativante quanto estes primeiros capítulos!

Eu gostei muito do que li e do desenvolvimento entre os personagens. Consegui mesmo em poucas páginas criar empatia com o casal, o que no meu caso é primordial para que eu goste de uma história. A Márcia soube fazer seus personagens bem reais e bem próximos de nossa realidade. Sua escrita é simples, mas com uso de gírias e jargões militares, os quais ela explica muito bem. A história flui bem, pois quando percebi já tinha chegado ao fim e... fiquei surtada querendo mais!!!

A capa é linda e tem muito a ver com a história. A diagramação até onde li, está boa. Agora só me resta aguentar um pouco a ansiedade e esperar pelo lançamento para conferir a história toda.

Espero que tenham gostado. Nos falamos em breve.
Bjus


14 comentários:

  1. Oi! Muito feliz em ler as primeiras impressões do livro, são 5 capítulos cheio de impactos. Bjos <3

    Click Literário

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá.
      Eu também curti muito a leitura. Nina e Cristiano têm uma ótima química.
      Bjus

      Excluir
  2. Tambem li e, a ansiedade da ariana aqui, está me enlouquecendo para ler os próximos capítulos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Te entendo Fernanda.
      Também estou ansiosa para ler toda a história.
      Bjus

      Excluir
  3. Lia, sua lindona! Muito obrigada por participar das primeiras impressões de Pátria! Amei o modo como desenvolveu tudo aqui! Beijos e aguardo sua opinião no final! <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Márcia.
      Eu que agradeço a oportunidade de conhecer em primeira mão um pouco de seu novo livro.
      Tenho certeza que será um sucesso.
      Bjus

      Excluir
  4. Oi Lia, eu não conheço a autora, mas li recentemente uma resenha e fiquei bem interessada. Adoro militares e já acho que vou gostar da Nina.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi.
      Eu gostei bastante desse pouco que li. Agora estou na ansiedade de ler por inteiro.
      Bjus

      Excluir
  5. Oi Lia!
    Gostei do pouco que relatou e me parece uma história cativante. Como você a afinidade e sintonia entre os protagonistas e primordial também.
    Não conheço a autora, mas já me impressionou com suas impressões.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Irene.
      Espero que tenha a chance de ler, pois acho que você iria gostar da leitura.
      Bjus

      Excluir
  6. Oi Lia, sua linda, tudo bem?
    Eu nunca li nenhum livro onde o personagem fosse militar. Eu acredito nesses encontros inusitados que o Destino nos proporciona, não acho que sejam coincidências. Já vi que a história será linda e irei me apaixonar. Como você preciso acreditar que é real e conseguir me envolver com o drama dos personagens, por isso estou bem animada!!!!! Suas primeiras impressões ficaram ótimas e o trecho do poema me tocou!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cila.
      Também acredito no Destino e estou super curiosa por desvendar todos os dramas e mistérios deste livro.
      O poema é lindo mesmo.
      Bjus

      Excluir
  7. Oi Lia!

    Eu gostei bastante da história até onde eu li. principalmente o final do capítulo 5. Tomará que eu consiga a oportunidade de ler o restante da história.

    Bjos

    http://historiasexistemparaseremcontadas.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kênia.
      Também quero muito conferir a história toda. Justamente pelo final que me deixou, como assim? rsrsrs
      Bjus

      Excluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!