[RESENHA] Entre o Amor e a vingança - Série O Clube dos Canalhas #1 - Sarah MacLean - Editora Gutemberg

Boa tarde meus lindos!
Um ótimo sábado pra todos!


Mais uma resenha fresquinha saindo do forninho literário! kkk


ENTRE O AMOR E A VINGANÇA

Ficha Técnica:
O Clube dos Canalhas # 01
Sarah MacLean
 R$ 23,20
ISBN-13: 9788582352939
ISBN-10: 858235293X
Ano: 2015 / Páginas: 304
Idioma: português
Editora: Gutenberg
Data de publicação: 01/07/2015

Sinopse:
O que um canalha quer, um canalha consegue

Uma década atrás, o marquês de Bourne perdeu tudo o que possuía em uma mesa de jogo e foi expulso do lugar onde vivia com nada além de seu título. Agora, sócio da mais exclusiva casa de jogos de Londres, o frio e cruel Bourne quer vingança e vai fazer o que for preciso para recuperar sua herança, mesmo que para isso tenha que se casar com a perfeita e respeitável Lady Penélope Marbury.
Após um noivado rompido e vários pretendentes decepcionantes, Penélope ficou com pouco interesse em um casamento tranquilo e confortável, e passou a desejar algo mais em sua vida. Sua sorte é que seu novo marido, o marquês de Bourne, pode proporcionar a ela o acesso a um mundo inexplorado de prazeres.
Apesar de Bourne ser um príncipe do submundo de Londres, sua intenção é manter Penélope intocada por sua sede de vingança – o que parece ser um desafio cada vez maior, pois a esposa começa a
mostrar seus próprios desejos e está disposta a apostar qualquer coisa por eles…
…até mesmo seu coração.

CAPAS ORIGINAIS DA SÉRIE


Fiquei muito feliz quando recebi a prova deste livro. Eu já conhecia a autora e era doida para ler esta série. Em 2013 eu já tinha cantado esta pedra... Eu tinha lido uma outra série da autora e estava completamente apaixonada por sua escrita, e o primeiro livro desta série se tornou um dos melhores romances históricos que já li. Por isso fiz um post aqui no blog falando dela e de seus livros, e quem quiser conferir, é só clicar aqui.

Sarah MacLean é uma autora de quem gosto muito. Ela é uma mestre na criação de histórias profundamente românticas que nos mantém encantadas, mesmo quando elas quebram nosso coração um pouco. Entre o Amor e a Vingança, é o primeiro livro da série O Clube dos Canalhas, com quatro co-proprietários de uma famosa casa de jogos e a autora vem com um início fabuloso.

E mais uma vez me pego, no terrível impasse que sempre fico quando me apaixono por uma história... Será que vou conseguir colocar tudo o que senti nesta leitura em palavras? Espero que sim, pois vocês precisam ler e conferir esta história.

Aos 21 anos de idade, o jovem marquês de Bourne toma uma decisão desastrosa, que altera o curso da sua vida. Ele aposta cada centavo disponível, inclusive sua propriedade em um "Vinte e Um', um jogo de cartas que parece ser certo - e perde tudo! E perde justamente para o Visconde Langford, o homem que era o seu guardião. Langford o deixa com uma propriedade vazia e sem fortuna. Dez anos mais tarde, ele recuperou todo o dinheiro através de seus próprios negócios. Ironicamente, ele e seus sócios possuem um exuberante clube de jogo, privado, onde jovens ricos da sociedade perdem suas fortunas, assim como ele fez uma vez a si mesmo. Ele precisa de apenas uma coisa para fazer sua vida completa:Vingança. Ele quer suas antigas terras de volta, e ele quer acabar com o homem que o arruinou.

A chave para o que ele quer quase cai em seu colo. Seu inimigo perde a maior parte de suas antigas terras (ironicamente, em um jogo de cartas) para o pai de Lady Penelope Marbury, o marquês de Needham e Dolby. O pai de Penelope, querendo aumentar suas chances de matrimônio, acrescenta as antigas terras de Bourne ao seu dote. E para atiçar ainda mais o marquês, o pai de Penélope faz outra coisa: Promete a Bourne que se ele conseguir casar bem suas outras filhas, ele vai dar-lhe a única coisa que ele deseja acima de tudo - as informações que ele precisa para destruir Langford. Isso é tudo o que ele precisava para começar o caminho para sua vingança.

Aos 28 anos, Lady Penélope teve cinco propostas de casamento, nenhuma das quais resultou em um. Penelope preferia ser uma solteirona do que infeliz no casamento. O único homem que ela desejava foi embora já faz quase uma década, e durante anos suas cartas para ele ficaram sem resposta(e algumas nem foram enviadas)ficaram guardadas como seu amor, preso em seu coração. Assim, quando, no meio da noite, ela decide caminhar pela terra dele, que é vizinha a sua, e está abandonada, fica completamente surpresa e chocada ao se deparar com Michael, que fica igualmente surpreso ao vê-la.

"Sem resposta em qualquer idioma"

Este passeio durante a madrugada, coloca Penelope diretamente nas mãos de Bourne. Ela corre para ele (pensando que ele é um fantasma do passado que ela precisa enfrentar), e ele a agarra determinado a arruiná-la e forçá-la a se casar com ele. Ele faz tudo errado e foi um idiota em minha opinião, mas Penelope e Bourne compartilham uma história. Eles eram amigos de infância, e embora ele tenha sumido e parado de falar com ela depois que ele perdeu sua fortuna, ele sempre teve um lugar em seu coração. Embora ela não fique muito emocionada com seus métodos, ela concorda em casar com ele em troca de sua promessa de ajudar a lançar suas irmãs mais jovens na sociedade e encontrar-lhes o tipo de amor que Penelope não conseguiu pra si mesma.

Penelope está cansada de viver sob os caprichos dos homens, e se ela não pode ter o tipo de felicidade que ela imaginava ter em seu casamento, ela pode usar a sua nova posição para garantir bons resultados para suas irmãs. Eles resolvem fazer com que as pessoas pensem que estão bem casados e que vivem bem.
Infelizmente para Penelope, Michael é um ator incrivelmente bom, o que aumenta seus sentimentos já tão confusos. Ela tem uma teimosa esperança de que tudo possa dar certo entre eles, mas a cada nova tentativa de fazer dar certo, Michael a decepciona, sempre lembrando a ela, que ele não está envolvido emocionalmente neste casamento.

No início, eu estava quase certa que não gostaria de Bourne. Eu simpatizei com ele, quando ele perdeu suas terras. Mas, a partir de seu encontro com Penelope, ele começou a me decepcionar e me irritar. Tinha horas que dava vontade de sacudir aquele insensível... Ele se transformou em um homem implacável, e era igualmente implacável em promover a ruína de Penélope. Mas ela acaba trazendo a humanidade nele, e consegue fazer dele um homem melhor, porque ele aprende a amá-la.

Imagem retirada do Goodreads
Penelope é extremamente altruísta (ela definitivamente coloca a felicidade de suas irmãs acima de sua própria), ela consegue nos cativar, nos fazer torcer para que sua luta não seja em vão. Ela se tornou uma pessoa real para mim. Ela tem seus próprios sonhos e uma sede de aventura. Ela sempre diz a coisa certa para Bourne quando ele mais precisa. e ela gentilmente ajuda-o a abandonar sua busca por vingança - que, se realizado, vai machucar pessoas inocentes, até mesmo Langford.
Imagem retirada do Goodreads

Penelope e Bourne ficaram por muito tempo em minha memória, como um casal que me fez sorrir, suspirar, emocionar, e torcer como doida para que tivessem o seu final feliz(mesmo sabendo que teriam)! Os dois juntos é lindo e especial. As cartas trocadas na infância, e que seguiram por toda a vida, são fofas, lindas, e posso dizer que a última carta no final do livro emociona!

Os personagens secundários são ótimos, bem trabalhados, e fazem com que a história tenha mais dinamismo. Os amigos e sócios do Clube (Cross, Temple e Chase) e as irmãs de Penélope são maravilhosos e já me sinto ansiosa para conferir o livro de cada um deles. Esta série com certeza promete muitas leituras deliciosas.

Se há alguma coisa melhor do que uma história de amor sobre segunda chance, é uma história de amor de segunda chance com pitadas de humor, muita paixão refreada, uma química perfeita entre os protagonistas e intriga. Entre o Amor e a Vingança é assim. Um herói e uma heroína que se adequam perfeitamente, mas que têm que superar alguns obstáculos significativos antes de começar seu final feliz. Sarah MacLean faz um trabalho admirável de nos conectar com Bourne e Penelope e ao mesmo tempo que ela nos apresenta seus personagens e nos conta sua história, ela mantém a ação do livro constante. Ao fazer isso, ela nos dá uma premissa completamente crível para saber como este casal consegue se apaixonar quando ambos julgavam-se indignos de serem amados.

A capa foi mantida igual a original, e na minha opinião é linda e tem tudo a ver com um grande momento de nossa heroína! Perfeita!
Não tenho como falar da parte técnica do livro, pois conforme informei no início, li a prova do mesmo.

Confira a capa aberta do livro:



Entre o Amor e a Vingança é uma história sobre o poder redentor do amor, sobre escolhas, e sobre a maneira como o destino pode agir em nossas vidas, mesmo quando não queremos isso.

Mais uma vez Sarah MacLean me encanta com sua escrita e me faz viajar por uma linda e deliciosa história de amor.
Imagem retirada do Google
Super recomendo!
Bjus

23 comentários:

  1. Como digo sempre. Sou adepta aos bad boys, gosto de um relacionamento agitado, nada contra ao romantismo, coisa que um "canalha" também sabe usar desse artifício. Mas, quando ele é fisgado, tudo fica melhor!!! É o tão falado "opostos que se atraem" Aquele clima de pé de guerra, não se aceitam mas se ama. hahaha Diabólica eu?!
    Taí um livro que leria sem pestanejar!
    Goste!!

    Bjocas
    Ni
    Cia do Leitor

    Tem postagem nova no Cia!
    http://ciadoleitor.blogspot.com.br/2015/06/resenha-gayle-forman-apenas-um-ano.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nizete você vai amar este canalha!!! kkk
      Leia sem medo de ser feliz e sem moderação amiga.
      O livro é lindo, estou apaixonada por ele.
      Bjus

      Excluir
  2. Oiee ^^
    Gente, eu não conhecia a autora *-* vou pesquisar mais livros dela agora mesmo! Adorei a sua resenha, deu para perceber que você gostou do livro (e pelo jeito, se apaixonou pelos personagens..haha'), e isso me deixou bastante animada para ler. Concordo com você, as histórias de amor bem humoradas são as melhores ♥
    MilkMilks
    http://shakedepalavras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Dryh, pode se jogar sem medo!
      A autora é ótima e o livro é maravilhoso!
      Bjus

      Excluir
  3. Oi Lia
    Fiquei louquinha querendo ler esse livro agora rsrsrs
    Adorei e ele já ai para a minha lista de compras
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Renata, acho que vai gostar também!
      Depois que ler passe por aqui para me falar se gostou!
      Bjus

      Excluir
  4. Oi Lia! Foi meu primeiro contato com a escrita da autora e fiquei simplesmente apaixonada pelos seus canalhas, é uma obra cheia de encanto e sagacidade, uma pérola do gênero. Aguardo ansiosa pelos demais volumes e fiquei muito feliz por a capa original ter sido mantida.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Cida, eu já conhecia a escrita da Sarah, e torcia muito para que seus livros chegassem por aqui!
      Também achei muito bom que a capa tenha sido mantida, tudo a ver com a história!
      Bjus

      Excluir
  5. Oi, Lia linda! Tudo bem?

    Parabéns pela resenha! Ficou maravilhosa e deu para sentir na pele que você amou esse livro de paixão mesmo. Se antes estava curiosa para lê-lo (sinopse e capa estão incríveis) agora preciso dele pra ontem! Então, não faça invejinha com a prova dele na minha cara, okay? Hahuahuahu. Agora é aguardar julho que está chegando!

    Um beijo,
    Doce Sabor dos Livros docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada flor!
      Amei mesmo... O romance é lindo, daqueles que faz a gente suspirar e o tanto que ela luta por esse amor... Nossa Jeni, você tem que ler...
      E quanto a prova do livro... sou dessas... kkkkkkkkk

      Excluir
  6. Oi Lia, muito boa a sua resenha, achei bem completinha e sabe que nem conhecia a autora. Agora, as capas são lindas demais hein. Apesar de que eu não me imaginaria andando em vestidos tão elegantes, acho eles românticos e lindos, mas se você diz que o personagem é mais um bad boy, a coisa parece esquentar mais.

    Beijos,

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Greice, pode ficar tranquila que as cenas são quentes na medida certa...
      Que bom que gostou da resenha! Eu amei o livro e sempre tenho dificuldade de resenhar livros que gosto muito...
      Bjus

      Excluir
  7. Oi, Lia!
    Só está aumentando os livros para leitura nessa estação.
    Quem é mais canalha? Um guardião que passa a perna em seu protegido ou o protegido que quer reaver o que lhe foi roubado?
    Ainda não li nada da autora e a sua resenha me deixou super curiosa!
    Beijus,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Luma, com certeza você vai achar que o Bourne é muito canalha... Mas, um canalha danado de apetitoso... kkk
      Se tiver oportunidade dê uma conferida, esta autora escreve muito bem históricos.
      Bjus

      Excluir
  8. Lia,não sei dizer qual capa gosto mais;simplesmente são lindas, que vestidos, que cores, que romance, que canalhas...rsrsrs ... para colecionar e pensar duas vezes se é pra emprestar...rsrss...pela sua empolgação, acredito que devo ler o romance.Bjs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Empolgadíssima amiga... Leia sem medo de ser feliz!
      Um romance histórico dos mais lindos!
      Bjus

      Excluir
  9. Oi, Lia!
    Encantada por suas impressões sobre o livro, gostei muito da resenha!Ficou envidente sua emoção e envolvimento!
    Irei ler!
    Beijos!!!

    Anna

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Anna, o livro me encantou mesmo!
      Depois que conferir me conta o que achou.
      Espero que goste o tanto quanto eu.
      Bjus

      Excluir
  10. Olá, Lia
    também li a série que é antes de O clube dos canalhas, a serie love by number... amei de paixão, não aguentei e li a serie toda em inglês.. amei esse romance da Penelope com o Bourne ... só que igual você falou.. as vezes dava vontade de bater na cara dele kkkkkkkkkkkk.... e as cartas da Penelope não respondidas são de cortar o coração.. simplesmente amei.. assim como o primeiro de Love by number... será que tem previsão deles lançarem aqui no Brasil? :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vitória, seja bem vinda ao Doces Letras!
      Eu fiquei conhecendo a Sarah, através da Série Love By Numbers que era muito comentada nos grupos que eu participava. Fiquei tão curiosa que acabei comprando os livros em espanhol,e apesar da leitura ter sido meio lenta, fiquei simplesmente apaixonada pelo primeiro livro, e pela escrita da autora.
      Fico feliz que tenha gostado da minha resenha e que o livro tenha lhe causado as mesmas sensações.
      A Série Love by Numbers será lançada em breve pela Arqueiro e é claro que vou comprar para ler tudo de novo... kkkkk
      Obrigada pela visita e comentário.
      Bjus

      Excluir
  11. A sinopse me chamou bastante atenção, e olha que não sou muito adepta a sinopses de livros, procuro por resenhas. Mas confesso que as capas me chamam muito, não, bastante atenção rsrs. Amei, simplesmente amei sua resenha, a minha curiosidade por lê esta estoria se aguçou mais, muito mais. Já está na minha lista de desejados. gostei também do que você falou sobre a autora, irei procurar outras obras delas. Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Haline, bem vinda ao Doces Letras!
      Muito obrigada flor! Feliz que tenha angariado mais uma leitora para a Sarah macLean ela super merece...kkkk
      Em breve outra série dela será lançada pela Arqueiro, e estou muito feliz com isto!
      Obrigada por sua visita e comentário.
      Volte mais vezes.
      Bjus

      Excluir
  12. oLá, os outros livros são sequencias?? ou cada um é um casal diferente???

    ResponderExcluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!