[RESENHA] Profissão Repórter 10 Anos - Caco Barcellos e Equipe - Editora Planeta



    Olá, eu sou Kênia Cândido do Blog Histórias Existem Para Serem Contadas e colaboradora do Blog Doces Letras.


    Hoje eu vou deixar minha resenha sobre o livro Profissão Repórter – 10 Anos, publicado pela Editora Planeta e  escrito pelo jornalista Caco Barcellos e sua Equipe.
    Venha e conheça minha opinião.


. Dados Sobre o Livro:

- Autores: Caco Barcellos e Equipe
- Editora: Planeta
- 1ª Edição
- Ano: 2016
- 380 páginas

- Onde comprar:  Saraiva | Submarino | Amazon |

. Sinopse:

Comandado por Caco Barcellos, considerado por muitos o melhor jornalista da TV brasileira, o programa Profissão Repórter chega a uma década de existência com o chamado “sucesso de público e de crítica”. Ao longo de cerca de 250 programas, a produção semanal exibida na TV Globo conquistou inúmeros prêmios, foi objeto de estudo em universidades e virou referência para quem quer ser repórter. O livro Profissão Repórter 10 anos – grandes aventuras, grandes coberturas comemora este aniversário trazendo o relato dos jornalistas que fizeram vinte das melhores reportagens exibidas pela TV Globo. Mais do que apenas um relato dos bastidores, os autores das reportagens revelam um pouco da alma de cada programa onde, como diz Caco Barcellos, “a estrela principal tem que ser e é a reportagem de qualidade”.

Um Livro Fantástico!

    O programa Profissão Repórter está completando 10 anos e para comemorar o sucesso de ser um dos melhores programas da TV aberta brasileira, Caco Barcellos e sua Equipe de jovens jornalistas reuniram nesta obra surpreendente, algumas histórias que permitem embarcar completamente no universo dos bastidores do programa jornalístico.
     O livro começa explicando como nasceu o projeto nas mãos do Jornalista e Roteirista Marcel Souto Maior e o Jornalista Caco Barcellos, em 2006 como um quadro do Fantástico, com o total de 43 reportagens e finalizando a parceria no final de 2007.
    Transformado em um programa especial as quintas-feiras, o Profissão Repórter ganhou mais espaço e tornou-se um programa fixo na grade da Rede Globo com Caco e sua equipe, nas ruas mostrando várias matérias repletas de histórias com  pessoas anônimas abrindo suas vidas diante das câmeras.
    A partir deste ponto o livro relembra alguns programas e brasileiros que dividiram suas vitórias, conquistas e acima de tudo, com muita coragem, expuseram seus dramas, aflições e perdas.
    Cada capítulo do livro é escrito pelo repórter responsável pela edição que narrou a história dos voluntários brasileiros que se arriscam em cenários de catástrofes,  famílias que foram castigadas por tragédias e equipes médicas que se mobilizam para viabilizar um transplante de coração.
    Narraram a realidade dos jovens no mundo das drogas, dos pais de três jovens dependentes de crack, das  mães enlutadas em busca de mensagens psicografadas dos filhos mortos, os noivos apaixonados no dia do casamento e até os profissionais do sexo mostrando a gravação de um filme pornô.
    O programa acompanhou a despedida de Nelson Mandela direto da África do Sul, fizeram coberturas em Rio de Janeiro e São Paulo nas manifestações que levaram milhões de brasileiros às ruas e a intensa chacina de Osasco e Barueri.
   Apresentaram os sem–teto na luta por moradia em São Paulo, a tragédia quando as chuvas fortes castigaram o vale do Itajaí em Santa Catarina, os pescadores de atum nos mares do litoral do Sul, os pilotos de monomotor dos garimpos na selva amazônica e os cortadores de cana do interior do Nordeste.
   A diagramação está impecável e o enredo desenvolve perfeitamente. Não é uma leitura cansativa e tenho que dizer que é um livro riquíssimo para todos os espectadores que acompanham semanalmente o programa.
   Recomendo este livro para todos que gostam de leituras informativas e fatos reais da sociedade brasileira. Vale a pena.



“ Comecei a ter sonhos recorrentes com Cacos. Nesses sonhos – sempre muito realistas – trabalhávamos juntos em um novo programa e parecíamos bastante felizes. Tão felizes que  tomei coragem e liguei para ele, assim que ele desembarcou no Brasil, de volta  de sua experiência internacional.” ( Marcel Souto Maior – pág.12 )
“...Ao retratar aquela realidade na televisão, tantos outros pais e mães pelo Brasil que passavam pela mesma situação poderiam se enxergar nas cenas e buscar um caminho para lidar com os filhos afundados no mesmo problema.” ( Raphael Prado – pág. 286 )
 
     Já leu Profissão Repórter – 10 Anos?
     Então contem o que achou. Vamos adorar ler seu comentário.



Kênia Candido:
Eu sou dona do blog Histórias Existem Para Serem Contadas. Mineira completamente apaixonada por livros, filmes e seriados de TV.

5 comentários:

  1. Eu não tenho vontade de ler esse livro, mas sei que é uma obra muito interessante. Eu recomendaria para os amigos sim.
    Mil Beijos!
    Top 5: Presentes de Aniversário
    http://pensamentosdeumageminiana.blogspot.com.br/2016/06/top-5-presentes-de-aniversario.html

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Gabriela, o livro também não faz o gênero que costumo ler, mas a resenha da Kênia acabou me deixando curiosa.
      Bjus

      Excluir
  2. Oie...
    Adorei a sua resenha!
    Imagino que o livro deva ter um conteúdo incrível, visto que o programa da Globo é muito bom e suas reportagens sempre mostram ao telespectador algo impactante.
    Vou botar na minha lista de desejados.
    Beijos

    http://coisasdediane.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Diane.
      Espero que curta a leitura.
      Bjus

      Excluir
  3. Oi! Amei a resenha, tenho a opinião bastante parecida com a sua a respeito do livro, fiz uma resenha sobre http://aboutbooksandmore.blogspot.com.br/2016/12/resenha-profissao-reporter-10-anos.html

    ResponderExcluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!