[DIVULGAÇÃO] Dois Irmãos: Leia o Livro da Minissérie Mais Comentada do Momento



     Olá, eu sou Kênia Cândido do Blog Histórias Existem Para Serem Contadas e colaboradora do Blog Doces Letras.


Com a chegada da minissérie Dois Irmãos apresentada na Rede Globo, que está emocionando e prendendo a atenção de todos a cada episódio, nada melhor que  conhecer a versão literária do livro Dois Irmãos escrito por Milton Hatoum.
    Venha conferir:


 

     Neste romance de intensa dramaticidade, Milton Hatoum narra a história de dois irmãos gêmeos — Yaqub e Omar — e suas relações com a mãe, o pai e a irmã. Moram na mesma casa Domingas, empregada da família, e seu filho. Esse menino — o filho da empregada — narra, trinta anos depois, os dramas que testemunhou calado. Buscando a identidade de seu pai entre os homens da casa, ele tenta reconstruir os cacos do passado, ora como testemunha, ora como quem ouviu e guardou, mudo, as histórias dos outros. 
     Dois irmãos inspirou a minissérie da TV Globo, que estreou no dia 9 de janeiro.


Onze anos depois da publicação de Relato de um certo Oriente, Milton Hatoum retoma os temas do drama familiar e da casa que se desfaz. Dois irmãos é a história de como se constroem as relações de identidade e diferença numa família em crise.
O enredo desta vez tem como centro a história de dois irmãos gêmeos - Yaqub e Omar - e suas relações com a mãe, o pai e a irmã. Moram na mesma casa Domingas, empregada da família, e seu filho. Esse menino - o filho da empregada - narra, trinta anos depois, os dramas que testemunhou calado. Buscando a identidade de seu pai entre os homens da casa, ele tenta reconstruir os cacos do passado, ora como testemunha, ora como quem ouviu e guardou, mudo, as histórias dos outros. Do seu canto, ele vê personagens que se entregam ao incesto, à vingança, à paixão desmesurada.
O lugar da família se estende ao espaço de Manaus, o porto à margem do rio Negro: a cidade e o rio, metáforas das ruínas e da passagem do tempo, acompanham o andamento do drama familiar.

 A obra ganhou o Prêmio Jabuti 2001 de Melhor Romance.

Ouça a playlist da minissérie no Spotify, com músicas indicadas por Milton Hatoum:

    . Sobre Escritor:

    Nascido em Manaus em 1952, estudou arquitetura. Estreou na ficção com Relato de um certo Oriente, publicado em 1989 e vencedor do prêmio Jabuti de melhor romance do ano. Seu segundo romance, Dois irmãos, de 2000, mereceu outro Jabuti e foi traduzido para oito idiomas. Com Cinzas do Norte, de 2005, Hatoum ganhou os prêmios Jabuti, Bravo!, APCA e Portugal Telecom. Em 2008, publicou sua primeira novela, Órfãos do Eldorado, e em 2013 teve suas crônicas reunidas em Um solitário à espreita.

    .Gostaram de conhecer a versão literária de Dois Irmãos?
    .Então antes de ir embora, deixa seu comentário. Vamos adorar lê-lo.
    .Bjos e até a próxima...


Kênia Candido:
Eu sou dona do blog Histórias Existem Para Serem Contadas. Mineira completamente apaixonada por livros, filmes e seriados de TV.

5 comentários:

  1. Oie
    Por causa da minissérie eu fiquei com muita vontade de ler o livro, ainda mais que eu perdi alguns capítulos e fiquei meio perdida na história. Pretendo ler.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nessa.
      Eu não assisti a minissérie, mas fiquei curiosa quanto ao livro.
      Bjus

      Excluir
  2. Achei a minissérie muito cansativa não sei se gostaria de ler o livro,confesso que me decepcionei com a minissérie.Bjs e boa leitura!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel, que pena amiga.
      Mas, acontece. Nem sempre nos agradamos de tudo.
      Beijinhos.

      Excluir
  3. Olá,

    Alguém tem a playlist INTERNACIONAL da minissérie Dois Irmãos?

    ResponderExcluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!