[RESENHA] Play - Stage Dive #2 - Kylie Scott - Universo dos Livros


Bom dia seus lindos!
Mais uma resenha saindo quentinha do forno pra vocês!


Hoje vou falar de Mal, o personagem delicinha da série Stage Dive, que a Universo dos Livros trouxe para nós.


PLAY

Ficha Técnica:
Título: Play
Título original: Play
Autor: Kylie Scott
Tradutora: Cristina Tognelli
Gênero: Ficção
Seção: Ficção Estrangeira
Assunto principal: Erótico
Assunto secundário: Bandas de rock
Formato: 15,7 x 23 cm
Papel: Norbrite 66g
Número de páginas: 320
ISBN: 978-85-7930-949-6
eISBN: 978-85-7930-950-2
Editora: Universo dos Livros
Preço: R$ 39,90
Preço digital: R$ 19,90
Série: Stage Dive/Vol. 2
Sinopse:
Mal Ericson, o baterista da mundialmente famosa banda de rock Stage Dive, precisa melhorar sua imagem, e rápido. Ter uma boa garota ao seu lado parece ser o suficiente. Mal não planejara que este artifício temporário se tornasse permanente; no entanto, ele não esperava encontrar o amor de sua vida.
Anne Rollings jamais pensou que conheceria o rockstar que inundava as paredes de seu quarto na adolescência - especialmente não naquelas circunstâncias. Anne está com problemas financeiros, e dos grandes. Porém, ser paga para ser a namorada de mentira de um selvagem e festeiro baterista não poderia terminar bem, não importa se ele é muito gostoso. Será que um final feliz é possível nesse caso?
 SITE || GOODREADS || SKOOB || COMPRAR

CAPAS ORIGINAIS

Sobre a série:

Publicada no Brasil pela Universo dos Livros.

  • Lick - Stage Dive #1 - Lançado em 2015.
  • Play - Stage Dive #2 - Lançado em 2015.
  • Lead - Stage Dive #3 - Sem previsão de lançamento.  
  • Deep - Stage Dive #4 - Sem previsão de Lançamento.


Eu fiquei sabendo sobre esta série no começo do ano passado, através de um grupo de leitura que participo. Depois de tantos comentários elogiosos eu simplesmente precisava ler. Foi assim que iniciei minha pesquisa sobre a série e depois de conversar um bocado com algumas blogueiras americanas, eis que me joguei na leitura e só posso dizer que amei toda a série!
Sim, já li todos duas vezes cada e espero sinceramente ter a oportunidade de ler mais vezes ainda... kkkk

Play, o segundo livro da série conta a história de Mal Ericson, o baterista tudo de bom da banda. Como falei em minha resenha de Lick o livro anterior, esta quadrilogia nos fala sobre os integrantes de uma famosa banda de rock americana, e em cada livro conhecemos a história e algumas desventuras dos integrantes. Eu confesso que livros baseados em rockeiros nunca chamou minha atenção e nem mesmo sei porque, mas não fazia muito o estilo que eu gostava. Esta é a segunda série que leio e devo dizer que definitivamente minha opinião sobre o assunto mudou drasticamente.


Mal Erickson tem um problema... Ele anda se expondo demais junto a mídia e precisa de alguma coisa para desviar a atenção dos jornalistas e também mostrar um lado mais calmo e certinho, por isso tem a incrível ideia de arrumar alguém para fingir ser sua namorada. Será que vai dar certo?

Anne é amiga de "Ev" a heroína do livro #1, que vem a ser casada com o guitarrista da banda. Elas foram vizinhas por um tempo, antes que Ev se casasse. Um dia ao voltar para casa, ela descobre que seu companheiro foi embora e com ele sumiu toda a sua grana. Anne fica totalmente arrasada, sem saber como vai fazer para seguir em frente. É então que surge um convite de Ev para que ela compareça a uma festa onde terá a possibilidade de ver de pertinho a estrela de rock de sua banda preferida e que de quebra ela tem uma paixonite. E quem será este? Pensaram em Mal? Bom, é isso mesmo.

A partir daí, Mal entra em sua vida feito um furacão lhe fazendo a proposta mais doida que ela poderia imaginar. Ele quer que ela finja ser sua namorada por um tempo e em troca ele vai lhe ajudar financeiramente. Dentro da situação que está vivendo, é claro que Anne mesmo um pouco relutante acaba aceitando. É aí que a coisa realmente vira uma confusão. kkk

Mal é lindo, gostoso e engraçado. O cara leva a vida como se nada fosse muito importante, sempre com alto astral e com um charme de arrasar quarteirões, claro que nossa heroína acaba ficando de quatro pelo cara, mesmo sabendo o quanto pode ser difícil conquistar e manter o coração deste deus louro. No decorrer da história a autora vai se aprofundando no caráter de Mal, e podemos ver o seu eu verdadeiro, que tem muito a mostrar.

Ao conhecer Anne, ele sente uma conexão instantânea com ela e é isto que lhe dá a ideia de lhe oferecer uma posição de sua namorada de mentira. Com Anne, Mal não tem que ser o "rock star". Ela lhe dá uma sensação de paz e tranqüilidade. Tudo que ele precisa desesperadamente. Enquanto isso Mal dá a Anne o encorajamento para que ela corra riscos e se divirta mais.


A personalidade de ambos é um grande trunfo da autora. Ambos são carismáticos e nos conquistam logo nas primeiras páginas. Ambos trazem uma bagagem forte que afeta suas vidas e sua relação. E nos fazem torcer por eles durante toda a leitura.

Mal é meio que um anti herói e isto foi o que mais me encantou nele. Ele não é uma típica estrela de rock, chega a ser meio imaturo às vezes, mas tudo isto é que acaba por ser o seu charme. Anne é uma jovem de personalidade que não se deixa deslumbrar pelo mundo de Mal. Ela é forte e sabe colocar Mal em seu devido lugar quando é preciso.

E o que mais gostei é que o romance entre eles vai surgindo aos poucos. Eles vão passando da atração pela amizade e enfim para a paixão. Uma relação que vai se construindo aos poucos e que ao fim da leitura posso dizer que ficou perfeita!

Quanto a parte gráfica do livro: A capa é linda! Gostei muito que a editora tenha mantido a mesma capa com apenas alguns pequenos detalhes diferentes. A diagramação é simples mas eficiente. As páginas são amareladas, com as fontes em bom tamanho o que me proporcionou uma ótima leitura. Não encontrei erros de ortografia e nem de revisão. Mais um bom trabalho por parte da Editora.

Este livro tem todas as emoções que gosto de encontrar num bom romance. Conseguiu me fazer rir, me emocionar, me irritar e me apaixonar! Uma mistura de tudo que gosto na dose certa. Simplesmente uma delícia!


Se eu recomendo? O que vocês acham?
Bjus

Lia Christo:
Carioca da gema, romântica incurável, leitora compulsiva, perseguidora de sonhos, e louca pela vida!

8 comentários:

  1. Oi, Lia!
    Eu acho as capas dessa série lindas demais!
    Quero muito começar a ler, mas eu já leio tanta série que vou dar uma diminuída e começar essa.
    Beijos
    Balaio de Babados

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luiza.
      Acho melhor começar logo e depois venha me contar se gostou. A série é uma delícia!
      Bjus

      Excluir
  2. Olá :)
    Quero ler muito essa série, o enredo e as capas são bem interessantes!

    Beijos,
    http://livrosentretenimento.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi.
      Espero que consiga. A série é muito boa.
      Beijos.

      Excluir
  3. Olá, Lia.
    Sua resenha ficou incrível, mas acho que não leria a obra. Não curto muito esse tipo de livro e não achei a premissa tão original. Mesmo que a autora tenha trabalhado bem a personalidade dos protagonistas, não sei se seria o suficiente para eu gostar da obra.

    Desbrava(dores) de livros - Participe do top comentarista de fevereiro. Serão dois vencedores!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Te entendo perfeitamente.
      Nem sempre nos agradamos de todos os tipos de gêneros.
      Bjus

      Excluir
  4. Oieee Lia

    Ótima resenha, porém, admito que esse não é o meu tipo de livro, por agora. Quem sabe mais adiante eu até me aventure na história.
    Achei a capa bastante bonita

    Beijokas

    naprateleiradealice.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Alice.
      Espero que dê uma oportunidade. A série é ótima.
      Bjus

      Excluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!