[RESENHA] Caraval - Stephanie Garber - Novo Conceito


Bom dia seus lindos!
Hoje venho compartilhar as minhas impressões sobre um livro diferente, envolvente e muito intrigante!
Vem comigo...


CARAVAL - Lembre-se, é apenas um jogo

Ficha Técnica:
Autora: STEPHANIE GARBER
Título: Caraval - Lembre-se, é apenas um jogo
ISBN: 9788581638560
Selo: NOVO CONCEITO
Ano: 2017
Edição: 1
Número de páginas: 352
Preço Sugerido: R$ 39.90
Área Principal: FANTASIA
Assuntos: FICÇÃO
Sinopse:
Scarlett nunca saiu da pequena ilha onde ela e sua irmã, Donatella, vivem com seu cruel e poderoso pai, o Governador Dragna. Desde criança, Scarlett sonha em conhecer o Mestre Lenda do Caraval, e por isso chegou a escrever cartas a ele, mas nunca obtivera resposta.
Agora, já crescida e temerosa do pai, ela está de casamento marcado com um misterioso conde, e certamente não terá mais a chance de encontrar Lenda e sua trupe, mas isso não a impede de escrever uma carta de despedida a ele.
Dessa vez o convite para participar do Caraval finalmente chega à Scarlett. No entanto, aceitá-lo está fora de cogitação, Scarlett não pretende desobedecer ao pai. Sendo assim, Donattela, com a ajuda de um misterioso marinheiro, sequestra e leva Scarlett para o espetáculo. Mas, assim que chegam, Donattela desaparece, e Scarlett precisa encontrá-la o mais rápido possível.
O Caraval é um jogo elaborado, que precisa de toda a astúcia dos participantes. Será que Scarlett saberá jogar? Ela tem apenas cinco dias para encontrar sua irmã e vencer esta jornada. 


Caraval é o livro de estreia de Stephanie Garber, o que torna sua leitura ainda mais surpreendente. O livro traz um tema diferente, algo que pelo menos eu, nunca tinha lido antes. Por isso além de achar a capa linda, fiquei muito a fim de conferir a história, desde que li a resenha dele no blog Balaio de Babados. Na época o livro não tinha previsão de lançamento por aqui e eu nem poderia imaginar, que ele chegaria a mim de forma tão inesperada e inusitada. A Novo Conceito de quem o blog é parceiro, trouxe Caraval para o Brasil, e provavelmente ele será lançado em Junho deste ano. No último dia 21/04, recebi e-mail da editora com uma proposta que me deixou super animada. Os parceiros foram convidados a participar de um jogo, tal qual ocorre no livro. Rebemos o e-book e tivemos 5 dias, para ler e resenhar. E como podem conferir abaixo, eu aceitei e espero ter feito uma boa jogada!

O livro é escrito em primeira pessoa, pelo ponto de vista de Scarlett. Mesmo assim também teremos bastante de Tea, apelido de Donatella, irmã de Scarlett e de Julian, o cara que me encantou e que ajuda as irmãs a irem em busca de Caraval e seus mistérios. O foco não é o romance, e sim o jogo e todas as suas ramificações e consequências, mas posso dizer que o pouco de romance que tem me deixou ligada.

No livro vamos conhecer a história de Scarlett que vive reclusa e subjugada a tirania do pai. Um pai abusivo que usa o amor das irmãs como punição. Se Scarlett mente, sai escondida ou qualquer outra coisa que o pai ache errado, ele bate em Donatella, ou vice versa. Scarlett tem uma verdadeira fascinação por Caraval, um jogo, por isso tenta fazer contato com o Mestre(Lenda), através de cartas enviadas durante muitos anos. Ele é o responsável pela realização e apresentação de Caraval, que até então para ela não passava de um jogo, mas será mesmo um jogo? Ou será realidade? Ou será a mescla dos dois? O jogo acontece uma vez ao ano e só participa quem é convidado, ou seja recebe um convite do mestre. O que depois de várias tentativas sem resposta, acaba acontecendo para Scarlett. 




O livro é bem descritivo, mas isto não o torna chato e nem cansativo, como acontece em alguns livros de fantasia que já li. Diferente de outros as descrições da autora são tão bem contadas que acabam se tornando contagiantes, e consegui me imaginar perfeitamente participando de tudo que acontecia. Claro, é um jogo de fato, um jogo traiçoeiro que você pode se perder a qualquer momento, mas não é uma competição. Eu não vou contar muito, porque eu teria que revelar algumas coisas que vão estragar algumas surpresas, então você só terá que confiar em minha palavra.


Scarlett foi me conquistando aos poucos, conforme seu personagem ia se descobrindo e se desenvolvendo ao longo da história. De início tudo que ela conseguia pensar era em se casar com o tal conde desconhecido e poder proteger sua irmã da tirania e maldades de seu pai, que era extremamente severo. Scarlett achava que ao se casar ficaria livre de tudo que a fazia sofrer e que ainda poderia assim livrar as duas e serem finalmente livres. Mas conforme sua irmã é sequestrada e ela é obrigada a participar do jogo para encontrá-la, vai percebendo que nem sempre as soluções mais fáceis dão certo, ou são as melhores. Que as vezes é preciso se arriscar para poder viver, no verdadeiro sentido da palava.

Apesar de ter gostado muito da aproximação de Julian e Scarlett ao longo da história, pois como todos sabem sou uma romântica incurável, o foco do livro é nas irmãs. Em sua relação. A maneira como as duas enfrentam as situações que se apresentam, como interagem entre si, o amor que as une, etc...

De qualquer forma em minha opinião Julian(o marinheiro) rouba a cena, com seus mistérios, sua personalidade e seu carisma. E tenho certeza que no segundo livro ele será muito mais atuante e vai conseguir nos surpreender bastante. Lenda era outra figura que apesar de não aparecer realmente, ao mesmo tempo ele estava sempre ali, como um espectro, rondando mas não se mostrando. Donatella foi uma personagem irritante durante boa parte do livro, e eu ficava pensando, em como a Scarlett podia ser tão iludida com ela, mas da metade pro final fui começando a compreender melhor o seu papel e acabei me sentindo mal pelo meu pré-julgamento. Aliás da metade em diante, são tantas reviravoltas que me senti meio tonta algumas vezes, e tenho certeza que vai desnortear vocês também. rsrsr

A sinopse já conta um pouco do que você pode e irá encontrar no livro, mas de forma alguma isto te deixa preparado para todas as reviravoltas, mistérios e emoções, que você vai sentindo durante a leitura. E esteja preparado para o final que deixa... Bom, te deixa mega ansioso para o próximo livro! Sim, Caraval é uma duologia. E eu quero saber mais... please!!!


Enfim, Caraval é uma leitura que super recomendo para os amantes de fantasia, histórias estranhas e traiçoeiras ou mesmo aqueles que como eu, gostam de se jogar em leituras diferentes de vez em quando. Tenho certeza que você não irá se arrepender de entrar neste jogo eletrizante com a Scarlett e ficarei na torcida para que você possa sobreviver a ele!
Bjus

12 comentários:

  1. Oi Lia!

    Menina que livro! Eu estou com muita vontade de ler, ainda mais sabendo que é uma história de fantasia e bem descritivo. Já entrou na lista de desejados.

    Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Kênia, acho que você vai curtir muito esta leitura.
      Bjus

      Excluir
  2. Oi Lia! Eu nem sou super fã de livros do gênero e achei a leitura muito boa. realmente não é um descritivo chato, super concordo com vc! Agora eu quero muito ver a edição física!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante
    Sorteio A guerra que salvou a minha vida

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi.
      Também não é um gênero que costumo ler, mas curti muito a leitura. Também estou doida para receber o físico.
      Bjus

      Excluir
  3. Oi, Lia!
    Fico feliz que você tenha realizado seu sonho e foi conquistada pela magia de Caraval.
    Você não imagina a minha alegria ao ver que a Novo Conceito vai lançar logo por aqui.
    Julian realmente rouba a cena e a Donatella eu quis ver morta umas mil vezes hahahahhaa
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção #Sorteio1KSeguidores

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Lu.
      Você foi a responsável, por eu ter ficado mega curiosa sobre o livro. Quando estava lendo e detestando a Donatella, lembrava da sua resenha e ficava rindo... kkkkk
      Bjus

      Excluir
  4. Oi Lia!
    Gostei muito da sua resenha. Caraval é uma leitura que foge um pouco do meu gênero, mas gostei muito. Uma loucura mas incrível.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Irene.
      Pelo jeito Caraval está conseguindo conquistar mesmo quem não é fã do gênero. Só por isso ele já mostra a que veio.
      bjus

      Excluir
  5. Olá Lia, tudo bem?

    Acabei de ler uma resenha desse livro, adorei e fiquei super curioso, pelo que vejo é cheio de mistérios e gosto muito dessa premissa, vai para a minha lista com certeza....bjs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marcos, acho que este livro faz o seu estilo!
      Se conseguir ler, me conta o que achou.
      Abraço.

      Excluir
  6. Oie
    Este livro tem um enredo bem instigante, a cada resenha que leio fico mais curiosa. Adorei sua resenha.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Nessa.
      Espero que você leia. O livro tem uma história bem diferente e intrigante.
      Bjus

      Excluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!