[RESENHA] Nem Tudo Será Esquecido - Wendy Walker - Planeta de Livros Brasil



    Olá, eu sou Kênia Cândido do Blog Histórias Existem Para Serem Contadas e colaboradora do Blog Doces Letras.


Hoje eu vou deixar a minha resenha do livro Nem Tudo Será Esquecido, escrito pela  autora Wendy Walker e publicado pela Planeta de Livros Brasil. Conheça minha opinião:



. Dados Sobre o Livro:

- Título Original: All is Not Forgotten
- Editora: Planeta de Livros Brasil
- Autora: Wendy Walker
- 1ª Edição
- Ano: 2016
-  288 Páginas
- Tradução de: Maryanne Linz

- Adicione no Skoob: Nem Tudo Será Esquecido

. Sinopse:

Um dos suspenses psicológicos mais elogiados nos Estados Unidos Tudo parece perfeito na pequena Fairview, em Connecticut, até a noite em que a adolescente Jenny Kramer é violentada durante uma festa. Nas horas posteriores, ela é medicada com uma droga controversa para que as memórias da violência sejam apagadas. Mas, nas semanas que se seguem, enquanto se cura das dores físicas, Jenny percebe que guardou nuances daquela noite. O pai, obcecado por sua incapacidade de descobrir quem abusou de sua filha, busca justiça, enquanto a mãe tenta fazer de conta de que o crime não abalou seu mundo cuidadosamente construído. Segredos da família e do círculo próximo começam a vir à tona durante a busca incessante pelo monstro que invadiu a comunidade – ou que talvez sempre tenha estado lá –, guiando este thriller psicológico para um fim chocante e inesperado.
  

Leitura Perturbadora e Sensacional

      Com uma história incrível e perturbadora, o livro Nem Tudo Será Esquecido é um Thriller sensacional que  conseguiu  prender minha total atenção e devorei rapidamente em poucos dias.
      O livro começa  sendo narrado por uma pessoa desconhecida, que conta a história de Jenny Krame, uma adolescente que mora na pequena e pacata cidade de Fairview, em Connecticut.  Jenny  foi brutalmente estuprada por alguém não identificado durante uma festa na casa de um colega de turma. Ela foi encontrada perto de uma mata por um casal de namorados  e foi levada para o hospital onde foi socorrida.
      Quando os pais de Jenny chegaram ao hospital totalmente chocados com o terrível acontecimento, a adolescente rapidamente foi  induzida ao novo tipo de tratamento que prometia resultados positivos contra traumas.  
      Como Jenny se submeteu ao tratamento logo nas primeiras horas que foi  atendida pelos médicos, a droga conseguiu fazer a Jenny esquecer de tudo o que aconteceu e  ela acordou sem nenhuma lembrança daquela noite de horror.
      Porém o Tom, pai de Jenny, desejava descobrir quem fez a crueldade com sua filha e começou uma busca incansável pelo monstro, enquanto Charlotte, mãe da moça, seguia com sua vida como se nada tivesse acontecido.
      No entanto, o tratamento começa apontar falhas com Jenny, mostrando que não é totalmente confiável, trazendo sensações e dores emocionais da noite do estupro, bem no momento que os pais estão passando por uma crise no casamento e vários segredos estão sendo revelados deixando a situação em uma verdadeira bola de neve.
      Para quem gosta de ler Thriller, o livro contém uma  leitura extremamente  interessante e fácil de compreender. É um  prato cheio de informações e reviravoltas, mas aviso que é uma história que mexe com o psicológico do leitor, então  se você não tem estômago forte ficará incomodado com o conteúdo que vai encontrar, pois a escrita da  autora é  bastante detalhista.
     O momento do estupro e como o estuprador  teve uma mente meticulosa pensado em não deixar qualquer vestígio que pudesse incriminá-lo, é apenas um dos poucos detalhes que a autora descreve com riqueza. Ela mostra profundamente os pensamentos dos personagens que estão envolvidos na trama. 
     Isso chega a assustar um pouco durante a leitura do acontecimento e deixa a sensação de estar na pele da Jenny. A autora conseguiu realmente bagunçar minha mente, por isso a trama  tornou-se sensacional.

     A diagramação está impecável nas folhas amareladas, não contém nenhuma ilustração e a capa corresponde com o enredo.
     Então, finalizo minha opinião recomendando essa história para leitores que apreciam leituras fortes, Vale a pena.

“ Ela disse que sempre havia se considerado uma garota forte, uma atleta determinada. 
Firme no corpo e na mente.
Era o que o pai lhe afirmara desde que era uma menininha.”
 ( Pág. 10 )
“Jenny não tinha lembrança do estupro, mas o terror vivia em seu corpo. 
A memória física, a resposta emocional que estava programada nela, não tinha nada a que se apegar, nenhum conjunto de fatos para contextualizar.
 Então aquilo vagou livremente dentro dela.
 A única coisa tangível que sobrou da violência foi a cicatriz do entalhe.”
 ( pág. 42 )
“O desejo humano de não estar sozinho no mundo é poderoso. 
Talvez mais poderoso do que a razão ou a consciência ou o medo.” 
( Página 136 )


    . Sobre a Autora:


      Wendy Walker é advogada e ex-analista financeira da Goldman Sachs. Ela vive em Connecticut, onde cria seus três filhos e escreve seu próximo Thriller.



7 comentários:

  1. Oi, Kênia!
    Mulher, que livro é esse?!?! Gente, fiquei super chocadaney e interessada ao mesmo tempo. Fazia tempo que um thriller não me chamava atenção.
    Beijos
    Balaio de Babados
    Participe da promoção seis anos de Caverna Literária

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luiza.
      A Kênia também me deixou com muita vontade de conferir essa história.
      Bjus

      Excluir
  2. Nossa, fiquei dividida agora entre a vontade de ler essa que claramente é uma leitura sensacional, e a minha incapacidade de ler livros envolvendo estupros. Eita, dilema. Geralmente se tem estupro, o livro não me interessa. Mas esse me interessou - e muito. Gente, será que consigo dar conta do recado e encarar a leitura? Quem sabe, né?!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Suelen.
      Também não curto livros com estupro. Aliás, acho que nunca li nenhum com esta temática. Mas, como você me senti tentada a dar uma chance por conta da resenha da Kênia.
      Bjus

      Excluir
  3. Olá, tudo bem? O livro parece ser bom, fiquei com vontade de ler. Adorei sua resenha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  4. Ooi Kênia, tudo bom??
    Nunca imaginaria que o livro se tratava de um thriller e ainda envolvia um tema tão forte,
    Realmente tem que ter estômago para ler sobre estrupo, e ainda sobre o abuso que a personagem sofreu ao "perder" a memória, fiquei super interessada para ver como a autora conduziu a estória \o
    Beijoos,
    Sétima Onda Literária

    ResponderExcluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!