[RESENHA] Desejo Concedido - Megan Maxwell - Planeta de Livros Brasil


Bom dia leitores!

Hoje vou deixar minhas impressões sobre um romance histórico que faz muito sucesso entre as leitoras do gênero.
Vem comigo...
DESEJO CONCEDIDO

Ficha Técnica:
Megan Maxwel
Essência
Data de publicação: 29/07/2016
464 páginas
ISBN: 978-85-422-0793-4
Código: 10170913
Formato: 16 x 23 cm.
Apresentação: Brochura com orelhas
Coleção: Outros
Sinopse:
Na Inglaterra do século XIV, após a morte dos pais, a jovem lady Megan Phillips, de vinte anos, segue uma vida tranquila, focada na educação e na criação de seus dois irmãos mais novos.
Para fugir de um casamento arranjado por sua tia, Megan e a irmã, Shelma, vão para o castelo de Dunstaffnage, na Escócia, onde vive seu avô Angus de Atholl, do clã McDougall.
Anos depois, durante o casamento de um de seus primos, Megan – uma mulher aguerrida, pronta a empunhar uma espada pra defender sua família e que não se dobra por nada e nem por ninguém –, conhece o temido guerreiro de olhos verdes Duncan McRae – um homem acostumado a liderar exércitos, mas que nunca esteve preparado para enfrentar o gênio forte de uma mulher.
O destino trama contra (ou a favor de) Megan, que, contra a sua vontade, acaba se casando com Duncan.
Conseguirão os dois se entender e seguir a vida como um casal feliz? Ou viverão às turras, como se estivessem num campo de batalha?
SITE || GOODREADS || PLANETA || SKOOB || COMPRAR

Capas Espanholas 

Imagem retirada do Google



Este é o primeiro livro da Trilogia Guerreiras. Um livro que soube mesclar muito bem o drama, a aventura, a ação, o romance e o humor, de uma maneira inteligente e que nos leva em uma viagem a Inglaterra e Escócia, nos anos de 1300.

Quando peguei este livro para ler não tinha grandes expectativas, já que nunca tinha lido nenhuma resenha sobre ele, e só fiquei sabendo da existência desta trilogia, quando de seu lançamento aqui no Brasil. A primeira vez que peguei pra ler, não conseguia passar do primeiro capítulo, sei lá o motivo, mas não me senti tentada a continuar lendo. Deixei passar alguns dias e fiz nova tentativa. Desta vez consegui chegar ao terceiro capítulo, mas confesso pra vocês que foi na base do esforço mesmo, por que a leitura não fluía. Por isso resolvi colocá-lo de lado e fui adiantando outras leituras. Duas semanas depois tornei a pegar e desta vez a coisa funcionou. Ufa!!!

Desejo Concedido nos traz a história de Megan(xará da autora) e Duncan. Dois jovens que foram talhados em meio a batalhas, intrigas e jogos de poder. Cada um absorveu isto de uma maneira, mas ambos aderiram em sua personalidade a teimosia. Algo que nos rende muitas e muitas brigas, e muitas reconciliações entre o casal. Ambos são cabeça dura, ambos são fortes e destemidos, ambos são honrados e quando tomam uma decisão... sai de baixo...

Megan Philiphs, é uma jovem mulher que tem uma personalidade muito forte. Impaciente, resistente, decisiva, corajosa, carismática e muito irritante. Aquele tipo nada convencional de donzela da época. Totalmente a frente do seu tempo e sua personalidade consegue enlouquecer até o mais bondoso dos homens. Ela dá a vida por seus irmãos e nunca se nega a socorrer quem pede sua ajuda. Tem habilidades de curandeira e sabe domesticar cavalos como ninguém. Sabe lutar tanto com o arco e flecha, quanto com a espada e ainda por cima tem a capacidade de ler, escrever e falar três idiomas... Ou seja um mito.

Duncan McRae, é um homem grande, com penetrantes olhos verdes, daí o seu apelido, "The Hawk"(O Falcão). É um dos guerreiros mais temidos da Escócia. E onde quer que ele vá é sempre muito  respeitado. Sua vida e pensamentos são todos voltados para a guerra, para as batalhas que está sempre tendo que travar em prol dos seus. Duncan é mandão, leal, destemido, forte, imbatível em batalha, machista e um verdadeiro guerreiro escocês da época.

Megan, Shelma e Zac, são três irmãos que se vêm obrigados a fugir de seu lar na Inglaterra e se refugiar em uma aldeia escocesa, na casa do avô Angus, que faz parte do clã McDougall. Esta fuga se dá com a ajuda de um amigo da família que jurou a seus pais protegê-los. Megan e Shelma estavam sendo obrigadas a se casar com homens asquerosos e vivam sob o jugo de seus tios por parte de pai. Após esta fuga que por si só é uma grande aventura, a vida de ambas as irmãs e de Zac mudará radicalmente.

Shelma, é a irmã mais nova de Megan. É mais compassiva, mais alegre e mais romântica que a irmã. Mas, também carrega a rebeldia dentro de si.

Lolach, é o melhor amigo e fiel companheiro de Duncan. Um guerreiro destemido, leal e que faz de tudo por seus companheiros.

Devido a alguns acontecimentos que ocorrem na história, Duncan terá que se casar com Megan, e Lolach se casará com Shelma. O embate e a convivência desses dois casais nos rendem boas risadas e muitas cenas interessantes. Eu só gostaria de ter sabido mais sobre a relação de Lolach e Shelma, o que espero que aconteça nos próximos livros.

E o livro é basicamente isto. A luta das irmãs para manterem Zac seguro e longe de problemas, a luta delas para ficarem juntas, e vencerem os obstáculos e principalmente a trajetória de Megan até o seu final feliz. Consegui perceber muito bem as mudanças em Megan e Duncan. O quanto os sentimentos que vão surgindo entre eles, os vai mudando, moldando e fazendo assim que toda a visão que tinham do mundo se modifique também. É claro que nem tudo foram flores. Teve várias passagens que tive vontade de dar umas boas sacudidas em Megan, e senti raiva e desconforto em relação a Duncan em várias outras. Mas, nada disso tira o brilho de poder acompanhar o quanto eles vão se tornando melhores, aparando as arestas.
" - Deixe-me esclarecer que você nunca foi minha segunda opção. Sempre foi minha mulher, minha única opção. Eu lhe garanto que nunca teria humilhado você nem a expulsado de nossa cama., porque meu coração é seu. Eu a amo, Megan. Eu prometi que cuidaria de você e a protegeria. E eu nunca falto com minha palavra."(Duncan - Pág. 456)
Vamos encontrar muitas batalhas, momentos de dor e de tristeza, muita angústia, mas também iremos deparar com muitas cenas hilárias e muito romance. Os personagens secundários são todos bem desenvolvidos e todos têm importância no desenrolar da história.

Quanto a parte gráfica do livro: Gente eu detestei esta capa. Achei feia mesmo.
A diagramação é simples mas eficiente. Não lembro de encontrar erros de revisão ou grafia. Uma boa publicação por parte da Editora.


Megan consegue ir nos envolvendo aos poucos e tem uma narrativa que faz com a história consiga fluir em um ritmo constante. Consegui visualizar muito bem todos os cenários descritos, as batalhas, e isto é muito bom. Gosto muito quando consigo fazer parte do que estou lendo e isto aconteceu neste livro. Por isso se você curte ler romance medievais bem escritos, com histórias de batalhas, aventura e bem humoradas, este livro é uma boa pedida.
Bjus

6 comentários:

  1. Oi Lia, tudo bem?

    Eu sou bem suspeita para falar de alguma coisa da Megan porque eu adoro os personagens que ela cria. Desejo Concedido é um dos meus preferidos dela, romance, batalhas, adoro!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mi.
      Eu não sou fâzoca, mas gostei deste livro.
      Devo ler os próximos.
      Bjus

      Excluir
  2. Oii Lia! Tudo bom? EU QUERO ESSE LIVRO. Eu gosto desse tipo de trama meio medieval e coisas arranjadas nesse caso UHDSUHDUSHDUSHD A capa achei que ficou a desejar da história mesmo. aaaah eu gostei demais da resenha

    bjs, Carol | Espilotríssimo
    http://carolespilotro.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol. Que bom que gostou!
      Espero que consiga ler e volte pra me contar o que achou.
      Bjus

      Excluir
  3. Oiii Lia

    Concordo com vc à respeito dessa capa, acho a capa original espanhola bem mais bonita. Meu Deus, não sei como a Megan consegue lançar tantos livros, sério mesmo, por aqui acho que todo mês tem um livro dela sendo publicado...rsrs. Apesar de toda essa variedade de titulos, ainda não tive a oportunidade de ler nada da autora, mas já tenho alguns titulos dela na minha listinha, incluindo essa trilogia medieval que parece valer à pena.
    Fico feliz que vc tenha gostado.

    beijos

    unbloglitteraire.blogspot.com.ar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Alice.
      Também gostei muito mais da capa espanhola.
      Espero que tenha a oportunidade de ler.
      Bjus

      Excluir

Olá ao passar por aqui, deixe um comentário. É sempre uma delícia poder conhecer sua opinião.
Obrigado por visitar e comentar no Doces Letras!